Polícia Civil e Militar realizam operações em comunidades do Rio

Arquivado em: Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 15 de julho de 2019 as 14:34, por: CdB

As polícias Civil e Militar realizaram sete operações na manhã desta segunda-feira em comunidades do Rio de Janeiro.

Por Redação, com agências de notícias – do Rio de Janeiro

As polícias Civil e Militar realizaram sete operações na manhã desta segunda-feira em comunidades do Rio de Janeiro.

As polícias Civil e Militar realizaram sete operações na manhã desta segunda-feira

A Polícia Civil atuou para checar informações sobre o tráfico de drogas nas comunidades do Fallet Fogueteiro e da Coroa, no Catumbi, região central da cidade.

Moradores

De acordo com moradores, houve tiroteios no local. A ação teve o apoio da Core (Coordenadoria de Recursos Especiais) e delegacias do centro. Até as 10h40, não havia informações sobre prisões e apreensões.

A Polícia Militar também atua no Complexo do Lins junto com agentes da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) e do GIT (Grupamento de Intervenções Táticas). Na madrugada desta segunda-feira, moradores se assustaram com um intenso tiroteio na área que fica na Zona Norte.

Roubo

Policiais da 20ª DP (Vila Isabel) identificaram Edimar da Conceição Barreto, como um dos autores de um assalto no Viaduto Procurador José Alves de Morais, no bairro Sampaio, no dia cinco de dezembro do ano passado.

Contra ele há dois mandados de prisão preventiva, um deles pelo crime, além de ser investigado em outros 15 inquéritos policiais.

Segundo as investigações, Edimar estava armado e pulou na frente do veículo em que as vítimas estavam, levando dinheiro, carteira e aparelhos celulares.

O acusado está foragido.

Foragido da Justiça

Policiais da Divisão de Capturas e Polícia Interestadual (DC-POLINTER) prenderam, nesta segunda-feira,, em Niterói, Gabriel Gonçalves Azevedo, de 23 anos, em cumprimento a mandados de prisão, expedidos pela 1ª e 4ª Varas Criminais de Niterói, pelos crimes de roubo qualificado.

Gabriel foi encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da justiça.

Estelionatária

O Setor de Inteligência da 17ª DP (São Cristóvão) prendeu uma mulher em flagrante pelo crime de estelionato, em uma agência bancária na Avenida Presidente Vargas, no Centro da cidade. Agentes receberam a informação de que uma quadrilha de estelionatários que vem atuando em bancos estaria se preparando para mais um golpe.

Vanessa dos Santos Silva foi presa ainda dentro do banco após tentar escapar do cerco policial. Ela já havia entregue a uma funcionária do banco um cartão de débito em nome de uma correntista da mesma agência e uma cédula de identidade falsa da vítima com a sua fotografia, com o objetivo se passar por ela para conseguir desbloquear o cartão e efetuar saques na conta corrente.

A vítima, no entanto, já havia realizado um registro na 42ª DP (Recreio) no início do mês sobre o extravio de seu cartão de débito e também de um talão de cheques.

De acordo com as investigações, a quadrilha desviava cartões de clientes do banco e buscava seus dados completos para falsificar seus documentos de identidade. O grupo seguia para as agências se passando pelos clientes proprietários dos cartões de débito a fim de realizar o desbloqueio e saques indevidos.

Vanessa também está sendo investigada por outros saques indevidos em nome de outras pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *