Polícia encontra imigrantes em caminhão na França

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 28 de outubro de 2019 as 13:04, por: CdB

Autoridades descobrem oito pessoas com sintomas de hipotermia na traseira de veículo frigorífico que embarcava a caminho do Reino Unido. No fim de semana, polícia belga deteve outros dois caminhões com imigrantes.

Por Redação, com DW – de Paris

Autoridades francesas encontraram oito imigrantes, entre os quais quatro crianças, num caminhão frigorífico no porto de Calais, no norte da França, que estava a caminho do Reino Unido. Os passageiros, que disseram ser afegãos, foram encontrados numa seção do frigorífico durante a verificação do caminhão, que acabara de entrar numa balsa para o Reino Unido, segundo informações do Ministério Público francês ao jornal local La Voix du Nord.

Caminhões embarcam em balsas no porto de Calais, em direção ao Reino Unido
Caminhões embarcam em balsas no porto de Calais, em direção ao Reino Unido

Eles apresentavam sintomas de hipotermia e foram levados por bombeiros a um hospital de Calais. A temperatura na parte traseira do caminhão, onde se encontravam, era de 7 graus centígrados, apurou a agência de notícias AFP. Os dois motoristas, de nacionalidade romena, foram detidos e estão sob custódia policial. As autoridades não revelaram o registro do caminhão e qual a rota efetuada até o porto de Calais.

Clandestinamente

No sábado, a polícia belga interceptou outros dois caminhões transportando clandestinamente 20 imigrantes. Um dos veículos foi detido em Saint-Truiden, com 11 pessoas a bordo, e o outro em Bruges, com nove. Um tinha como destino o Reino Unido, e foi descoberto depois de o motorista parar numa oficina devido a um problema mecânico. No outro caso, a polícia recebeu um alerta anônimo sobre a presença de imigrantes no veículo que seguia para o porto de Zeebrugge.

Na semana anterior, em Essex, a leste de Londres, autoridades britânicas encontraram 39 mortos na traseira de um caminhão. Ele também teria vindo do porto belga de Zeebrugge. A cabine estava registrada na Irlanda do Norte, enquanto o contêiner foi registrado na Bulgária. O motorista do caminhão, o norte-irlandês Maurice R., de 25 anos, enfrenta 39 acusações de homicídio culposo.

As autoridades britânicas têm enfrentado dificuldade em identificar as vítimas. Inicialmente, acreditou-se serem cidadãos chineses, mas a polícia do Vietnã iniciou uma coleta de amostras de DNA na tentativa de identificá-las. No fim de semana, pelo menos 24 famílias vietnamitas comunicaram às autoridades o desaparecimento de parentes.

As organizações criminosas envolvidas em tráfico de pessoas costumam usar caminhões para tentar contrabandear quem busca uma melhor qualidade de vida na Europa. Em agosto de 2015, no auge da onda migratória para a Europa, a polícia austríaca encontrou 71 corpos de refugiados num caminhão frigorífico. Quatro traficantes, um afegão e três búlgaros, foram condenados a 25 anos de prisão na Hungria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *