Polícia Federal deflagra operação contra desvios no combate à covid-19

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, Polícia, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 20 de abril de 2021 as 10:55, por: CdB

A Polícia Federal (PF) cumpriu nesta terça-feira mandados de prisão contra cinco pessoas e 38 ordens de busca e apreensão na Operação Contágio, que apura o desvio de recursos púbicos destinados ao combate da covid-19.

Por Redação, com ABr – de São Paulo

A Polícia Federal (PF) cumpriu nesta terça-feira mandados de prisão contra cinco pessoas e 38 ordens de busca e apreensão na Operação Contágio, que apura o desvio de recursos púbicos destinados ao combate da covid-19. Os mandados foram cumpridos nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

PF deflagra operação contra desvios no combate à covid-19

As ações têm como alvo os municípios de Hortolândia (interior paulista), Embu das Artes e Itapecerica da Serra, esse dois últimos na Grande São Paulo.

A investigação foi iniciada a partir de informações fornecidas pela Controladoria Geral da União que indicam que esses municípios contrataram uma organização social (OS) sem capacidade técnica para prestação de serviços na ára da saúde.

Segundo a PF, os contratos sob investigação têm um valor total de mais de R$ 100 milhões. Alguns desses contratos foram assinados de forma emergencial para atender os pacientes de covid-19.

Empresas recém-criadas

De acordo com as investigações, a OS subcontratou empresas recém-criadas, também sem experiência na área, para a execução dos serviços demandados pelos municípios.

A partir dessas empresas foram sacados em dinheiro R$ 18 milhões, em retiradas fracionadas, segundo a PF, para burlar os mecanismos de controle.

Ainda de acordo com a polícia, os saques eram feitos sob escolta de um guarda civil municipal, que também era sócio de uma das empresas.