Polícia Federal investiga vice-presidente da Guiné Equatorial por lavagem de dinheiro

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, Mundo, São Paulo, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 10 de outubro de 2018 as 11:03, por: CdB

A operação investiga o inquérito do Aeroporto de Viracopos e apura também suposta lavagem de dinheiro através da compra de um apartamento duplex no bairro de Jardins, em São Paulo.

Por Redação, com Reuters – de São Paulo

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira operação que investiga o vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Mang, por suposta lavagem de dinheiro de recursos desviados do país africano.

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira operação que investiga o vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Mang

Como parte da operação Salvo Conduto foram emitidos 7 mandados de busca e apreensão nas cidades de São Paulo Hortolândia, Jundiaí e no Distrito Federal, e 35 policiais apuram dois inquéritos policiais, informou a PF em nota.

A Polícia Federal não identificou o alvo da investigação, mas afirmou que o investigado é o mesmo que teve US$ 1,4 milhão e 20 relógios de pulso avaliados em US$ 15 milhões apreendidos no Aeroporto de Viracopos no dia 14 de setembro. Segundo reportagens, Obiang tentou entrar no Brasil com esses exatos bens sem fazer a declaração obrigatória no mês passado.

A operação investiga o inquérito do Aeroporto de Viracopos e apura também suposta lavagem de dinheiro através da compra de um apartamento duplex no bairro de Jardins, em São Paulo.

– O imóvel foi adquirido, na época, por R$ 15 milhões. As investigações apontam que o imóvel, adquirido por uma empresa com capital social de R$ 10 mil, pertenceria ao investigado – disse a PF em nota.

A Polícia Federal solicitou sequestro do imóvel, dos bens e valores apreendidos no Aeroporto de Viracopos e de sete veículos de luxo. A PF informou que também pediu também cooperação jurídica internacional para esclarecer a participação dos envolvidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *