Polícia interrompe rave ilegal com centenas de jovens em Milão

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado domingo, 19 de setembro de 2021 as 12:36, por: CdB

 

A situação é monitorada pelas autoridades locais, que conseguiram interromper a música provocando a saída dos participantes. Os agentes estão trabalhando para identificar os organizadores e denunciá-los.

Por Redação, com ANSA – de Milão

A polícia italiana interrompeu na manhã deste domingo uma rave não autorizada na periferia de Milão, onde centenas de jovens se reuniram em um galpão abandonado por uma transportadora.

A polícia italiana interrompeu uma rave não autorizada na periferia de Milão

A festa na via Pestagalli teve início durante a madrugada, apesar das medidas de proteção contra a pandemia do novo coronavírus sars-CoV-2, e aglomerou pelo menos 700 pessoas, incluindo 300 no exterior do local.

A situação é monitorada pelas autoridades locais, que conseguiram interromper a música provocando a saída dos participantes. Os agentes estão trabalhando para identificar os organizadores e denunciá-los.

Moradores da região

A polícia foi alertada por alguns moradores da região. Por enquanto, cerca de 50 jovens foram identificados e outros 300 já deixaram o galpão. Segundo informações iniciais, os agentes também apreenderam drogas no local.

Após o ocorrido, o ex-ministro do Interior da Itália e líder da Liga atacou sua sucessora, Luciana Lamorgese, e o prefeito de Milão, Giuseppe Sala. “Festa rave abusiva na via dei Pestagalli.

Música alta, barulho e presença de drogas e narcóticos.

Moradores exaustos. Isso não é bom. Lamorgese e Sala, onde estão vocês?”, escreveu no Facebook.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code