Polícia de Nova York reforça segurança na ONU após ataque a Sergei Skripal

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 21 de setembro de 2018 as 13:36, por: CdB

A Assembleia Geral da ONU começa oficialmente na próxima terça-feira, mas muitos líderes políticos chegarão a Nova York neste fim de semana para participar de várias reuniões.

Por Redação, com EFE – de Nova York

O Departamento de Polícia de Nova York (NYPD) explicou na quinta-feira o esquema de segurança que será adotado para a Assembleia Geral da ONU e anunciou que tomará medidas para prevenir um ataque químico após o envenenamento do ex-espião russo Sergei Skripal no Reino Unido.


Polícia de Nova York reforça segurança na ONU após ataque a ex-espião russo

– Conversamos com nossos colegas do Reino Unido, fizemos dois exercícios e uma complexa simulação de campo para voltar a nos familiarizar a resposta que temos que dar – explicou diretor de Inteligência e Combate ao Terrorismo do NYPD, John Miller.

Segundo Miller, após o caso Skripal, a NYPD decidiu reforçar a atenção para prevenir um possível ataque químico ou biológico durante reuniões das Nações Unidas. Além disso, junto com o FBI, o órgão elaborou uma lista de potenciais alvos.

Como em todos os anos, a polícia de Nova York preparou um enorme esquema de segurança para a Assembleia Geral da ONU, que reúne dezenas de presidentes e primeiros-ministros na cidade.

Os comandantes da NYPD afirmaram hoje que levaram em consideração os ataques sofridos por algumas dessas lideranças políticas em seus países, como, por exemplo, o atentado com drones contra o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em Caracas.

Segundo o chefe do NYPD, James O’Neill, não há nenhuma ameaça terrorista específica contra a Assembleia Geral. No entanto, Nova York continua como alvo de grupos como Estado Islâmico e Al Qaeda.

Além disso, os agentes terão que controlar os cerca de 70 protestos marcados para ocorrer na cidade durante a duração do evento. Vários são contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

A Assembleia Geral da ONU começa oficialmente na próxima terça-feira, mas muitos líderes políticos chegarão a Nova York neste fim de semana para participar de várias reuniões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *