Polícia faz operação para combater pedofilia no Rio

Arquivado em: Destaque do Dia, Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 11 de dezembro de 2019 as 12:51, por: CdB

Uma perícia será feita e caso constate material de pedofilia nos equipamentos apreendidos, eles deverão ser autuados por pedofilia por armazenar e compartilhar material contendo pornografia infantil.

Por Redação, com agências de notícias – do Rio de Janeiro

Agentes da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima, Secretaria de Estado de Polícia Civil do Rio de Janeiro (Sepol)  realizaram, na manhã desta quarta-feira, a operação Imperium de combate à pedofilia.

A meta é cumprir 80 mandados de busca e apreensão
A meta é cumprir 80 mandados de busca e apreensão

Cerca de 27 pessoas foram detidas. Uma perícia será feita e caso constate material de pedofilia nos equipamentos apreendidos, eles deverão ser autuados por pedofilia por armazenar e compartilhar material contendo pornografia infantil.

Um estudante de 22 anos de Itaboraí é considerado o líder do grupo, investigado pela prática de armazenar e compartilhar imagens pornográficas de crianças e adolescentes.

De acordo com a Dcav , ele era o que mais tinha material pornográfico infantil armazenado e o que mais distribuía conteúdo dessa natureza para o grupo.

De acordo com a Sepol, a operação é para cumprir 80 mandados de busca e apreensão em diversos pontos do Estado.

As investigações

A secretaria informou ainda que as investigações começaram há cerca de quatro meses e identificaram um núcleo de pedófilos que compartilhavam grande quantidade de imagens e vídeos contendo pornografia infantil.

A Sepol não informou os locais do Estado onde o grupo atuava. Cerca de 200 policiais civis de diversas delegacias participaram da operação.

Roubos a ônibus

Policiais da 19ª DP (Tijuca) prenderam Márcio de Souza Marcelino, 43 anos, conhecido como Binho, acusado de cometer diversos assaltos a ônibus no bairro da Tijuca, na Zona Norte. Contra ele foi cumprido um mandado de prisão expedido pela justiça com base em investigação da unidade

De acordo com informações dos agentes, Binho foi capturado na Rua Conde de Bonfim, na altura da Praça Saens Pena, justamente no horário e local em que ele normalmente cometia os crimes. Ele foi detido vestindo a mesma camisa que aparece nas imagens captadas pelas câmeras de segurança em um dos roubos.

Binho já possui outras cinco condenações por roubo e estava desde janeiro desse ano cumprindo pena em regime semi-aberto, sendo monitorado por tornozeleira eletrônica.

O preso foi encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá acautelado à disposição da justiça.

Roubo de cargas

Agentes da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) realizaram, na terça-feira, em Cabo Frio, na Região dos Lagos, o cumprimento de mandado de prisão preventiva de Fernando de Araújo Barbosa, indiciado pelo crime de roubo de cargas.

De acordo com a investigação, o homem é integrante de uma milícia que atua em Austin, no Município de Nova Iguaçu. Além disso, é acusado de ter participado do roubo do centro de distribuição das Lojas Americanas ocorrido em 2018, em Queimados, na Baixada Fluminense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *