Polícia realiza operação contra milícia no Rio

Arquivado em: Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 9 de outubro de 2019 as 15:26, por: CdB

 

De acordo com as investigações, o grupo é responsável por extorsões e exploração de serviços ilegais como a disputa por pontos de mototáxi.

Por Redação, com ACS – de Rio de Janeiro

A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) realizou nesta quarta-feira, operação para cumprir 43 mandados de busca e apreensão em locais relacionados a uma milícia que atua em Austin, responsável por diversos homicídios na região.

Delegacia de Homicídios realiza operação contra milícia em Austin
Delegacia de Homicídios realiza operação contra milícia em Austin

De acordo com as investigações, o grupo é responsável por extorsões e exploração de serviços ilegais como a disputa por pontos de mototáxi na Praça do Batuta e na Biquinha, ambos em Austin.

Três pessoas foram presas em flagrante e vão responder por porte de arma de fogo: Marcos Antônio dos Santos Amaral, conhecido como Marcos Alemão, Jorge Luis Ramos de Oliveira e Jeferson Ramos Oliveira, esse último ex-secretário de obras de Nova Iguaçu. Cinco armas foram apreendidas.

A atuação do bando resultou em diversas mortes na região nos últimos meses. A ação desta quarta, que contou com o apoio da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) e da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI), totalizando 43 equipes, com 130 policiais e 5 delegados, tem como objetivo apreender armas de fogo, documentos e outros indícios e provas dos crimes.

Tráfico de animais

A Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol), por meio dos Departamentos Gerais de Polícia da Baixada (DGPB) e Interior (DGPI), realizou, na terça-feira, uma operação conjunta para desarticular um esquema de tráfico de animais da fauna silvestre nacional. Em um sítio no bairro Barbuda, em Magé, os agentes resgataram 250 aves que estavam dentro de uma casa abandonada com telas nas janelas.

A investigação apontou que os animais eram capturados em Rio Bonito, no Interior do Estado e levados para o sítio na Baixada, onde ficavam acondicionados aguardando a venda. Ainda segundo o apurado, devido as condições insalubres do ambiente, cerca de 30 aves teriam morrido.

No local os policiais encontraram ainda algumas gaiolas com pássaros pequenos, a grande maioria já morta. O responsável pelo imóvel confessou que aprisionava os animais e foi autuado nos crimes previsto nos artigos 29, § 1º, III, e 32, § 2º, da Lei nº 9.605/98.

A ação foi realiza por agentes da 65ª DP (Magé), 66ª DP (Piabetá) e 119ª DP (Rio Bonito).

Roubo

Policiais da Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM NOVA FRIBURGO), com apoio dos policiais militares do PPC de Mury, prenderam em flagrante, em Lumiar, autor de tentativa de feminicídio e roubo.

Segundo os agentes, o acusado teria ido até a residência da vítima e, após uma discussão, ateou fogo na residência, vindo a causar graves queimaduras na sua ex-companheira e em uma amiga dela que também estava no local.

Após o ocorrido o autor ainda fugiu no veículo de sua ex-companheira, tendo sido encontrado e preso em Lumiar. O preso permanece custodiado aguardando transferência para o sistema penitenciário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *