Polícia do Rio combate quadrilha que rouba combustível da Petrobras

Arquivado em: Destaque do Dia, Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 4 de dezembro de 2020 as 12:05, por: CdB

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) cumpriram nesta sexta-feira 14 mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão contra uma quadrilha especializada em roubar combustível de dutos da Petrobras e da Transpetro.

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) cumpriram nesta sexta-feira 14 mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão contra uma quadrilha especializada em roubar combustível de dutos da Petrobras e da Transpetro. A ação faz parte das segundas e terceiras etapas da Operação Sete Capitães, e ocorre na região norte do Estado do Rio.

Os denunciados vão responder por crimes de organização criminosa, furto, receptação, uso de documento falso e comunicação falsa de crime
Os denunciados vão responder por crimes de organização criminosa, furto, receptação, uso de documento falso e comunicação falsa de crime

A primeira etapa da operação ocorreu em novembro de 2019 e cumpriu oito mandados de prisão. Na ocasião, foram identificados os líderes, executores e seguranças da quadrilha, que tinha um policial militar da ativa.

Integrantes do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MPRJ, conseguiram identificar receptadores do combustível roubado nas cidades de Rolândia, no Paraná, e Vila Velha, no Espírito Santo. E também nos municípios paulistas de Ourinhos e Iracemápolis.

Organização criminosa

Os denunciados vão responder por crimes de organização criminosa, furto, receptação, uso de documento falso e comunicação falsa de crime.

Além do Gaeco/RJ, participaram da operação a Coordenadoria de Segurança e Inteligência, Polícia Civil do Rio de Janeiro e as Gaecos do São Paulo, Paraná, Minas Gerais e Espírito Santo.

Tráfico de drogas

Policiais civis da 81ª DP em uma ação conjunta com policiais militares do 12ª BPM apreenderam, na quinta-feira, um adolescente infrator acusado de fato análogo ao crime de trafico de drogas.

Ele foi flagrado na comunidade da Ciclovia posse de 78 pinos de cocaína, 48 invólucros contendo erva seca e picada e duas pedras de crack

Segundo informações dos agentes, a apreensão do menor ocorreu após informações de inteligência que indicavam a sua localização no interior daquela comunidade.

Em sede Policial, o adolescente, acompanhado de sua mãe, confessou sua participação no tráfico local onde exercia a função de “vapor”.