Polícia prende suspeito de chefiar milícia no Rio

Arquivado em: Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 2 de outubro de 2018 as 11:39, por: CdB

O crime foi descoberto com investigações da Draco, em conjunto com o Laboratório de Tecnologia contra a Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil, a partir de dados da Receita Federal.

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro

Um suspeito de comandar a milícia que controla comunidades de Del Castilho, na Zona Norte do Rio, foi preso em uma academia do shopping do bairro. Marco Antônio Figueiredo Martins, conhecido como Marquinho do Ouro ou Marquinho Catiri, estava com joias, um relógio Rolex, R$ 28.978 em espécie e uma caminhonete Ford Ranger blindada, quando foi preso.

Um suspeito de comandar a milícia que controla comunidades de Del Castilho, na Zona Norte do Rio, foi preso

Marco também é suspeito de liderar uma organização criminosa que atua na exploração do transporte alternativo na Zona Oeste, segundo investigações anteriores da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e de Inquéritos Especiais (Draco). O grupo faz a cobrança de taxas aos motoristas de vans nos bairros de Bangu, Realengo, Padre Miguel e Campo Grande, na Zona O

Além disso, o suspeito já tinha um mandado de prisão preventiva pelo crime de lavagem de capitais, expedido em razão de um sítio comprado em Sapucaia, no interior do Estado, por meio de um contrato mascarado de arrendamento rural.

O crime foi descoberto com investigações da Draco, em conjunto com o Laboratório de Tecnologia contra a Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil, a partir de dados da Receita Federal.

Além de Marco, mais quatro homens que trabalhavam como seus seguranças foram presos em flagrante pelo crime de organização criminosa. Com eles foram apreendidos quatro pistolas e telefones celulares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *