Pompeo diz que EUA e Coreia do Norte precisam de ‘criatividade’ em negociações

Arquivado em: América do Norte, América Latina, Ásia, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 16 de julho de 2019 as 12:59, por: CdB

Os dois países buscam reiniciar as negociações. Pompeo não disse quando elas começariam.

Por Redação, com Sputnik – de Washington

O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, disse na segunda-feira  que espera que tanto a Coreia do Norte quanto os Estados Unidos possam “ser um pouco mais criativos” nas negociações para encerrar o programa nuclear de Pyongyang.

O presidente Donald Trump esteve com o líder norte-coreano Kim Jong-un no mês passado

Os dois países buscam reiniciar as negociações. Pompeo não disse quando elas começariam.

Reunião

O presidente Donald Trump esteve com o líder norte-coreano Kim Jong-un no mês passado. Durante a reunião, Trump se tornou o primeiro presidente dos Estados Unidos a entrar na Coreia do Norte e os dois concordaram em reiniciar as negociações.

Ao todo, Trump e Kim se encontraram três vezes e realizaram duas cúpulas sobre a questão nuclear. As conversas em Hanói, em fevereiro, fracassaram sem acordo entre os dois líderes.

– Espero que os norte-coreanos cheguem à mesa com ideias que não tiveram pela primeira vez. Esperamos que possamos ser um pouco mais criativos também – disse Pompeo em uma entrevista de rádio no programa “The Sean Hannity Show”.”A missão do presidente não mudou: a total e final desnuclearização da Coreia do Norte de uma forma que possamos verificar. Essa é a missão estabelecida para essas negociações”, acrescentou Pompeo.

Pompeo confirma visita à América do Sul

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, confirmou viagem à América Central e do Sul para reforçar esforços em relação à Venezuela, Cuba e Nicarágua.

A viagem está prevista para acontecer ao longo do final de semana para apoiar os povos desses países “na luta pela liberdade e pela democracia”, declarou o porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Morgan Ortagus. Pompeo passará por Argentina, Equador, México e El Salvador.

A agenda nos países prevê a participação de Pompeo em Buenos Aires na 2º encontro Ministerial de Contraterrorismo do Hemisfério Ocidental. O secretário norte-americano se contratá com o presidente da Argentina, Maurício Macri, com o ministro das Relações Exteriores do Chile, Teodoro Ribera, assim como o chanceler de Bahamas, Darren Henfield.

No México, no próximo domingo, Pompeo se encontrará com o Ministério das Relações Exteriores local, Marcelo Ebrand, com o objetivo de discutir imigração ilegal, e o acordo comercial entre EUA, Canadá e México, disse Ortagus.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *