Ponte desaba deixando mortos e feridos na Itália

Arquivado em: Europa, Manchete, Mundo, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 14 de agosto de 2018 as 10:33, por: CdB

Trecho de ponte sobre rodovia em Gênova desmorona durante fortes chuvas, deixando ao menos 11 mortos. Ministro fala em “tragédia imensa”

Por Redação, com DW – de Roma

Um trecho de um viaduto localizado em Gênova, no norte da Itália, desabou na manhã desta terça-feira, deixando pelo menos 11 mortos. O ministro dos Transportes Danilo Toninelli descreveu o incidente como uma “tragédia imensa”.

Ponte foi construída nos anos 1960 e passou por reforma em 2016

Segundo a polícia, 20 veículos estiveram envolvidos na tragédia, ocorrida por volta das 11h30 (hora local) durante fortes chuvas. Uma testemunha descreveu o incidente como uma “cena apocalíptica”.

A agência de notícias Ansa afirmou que uma pessoa foi resgatada com vida dos escombros e foi transportada de helicóptero para um hospital. Equipes de socorro teriam identificado ao menos dez veículos envolvidos no desastre. A suspeita é de que um problema estrutural tenha provocado o desabamento.

A ponte estaiada era uma das principais artérias do tráfego na capital da Ligúria
A ponte estaiada era uma das principais artérias do tráfego na capital da Ligúria

O ministro do Interior italiano, Matteo Salvini, afirmou que cerca de 200 bombeiros foram enviados ao local do desastre. ‘Estamos acompanhando minuto a minuto a situação do colapso de uma ponte em Gênova”, escreveu no Twitter.

O trecho que desabou faz parte da ponte Morandi, que passa sobre a estrada A10, tem 1.182 metros de extensão e uma altura de 90 metros. O fragmento que ruiu tinha duas faixas de carro e cerca de cem metros de comprimento. Ele passava sobre um rio, prédios e trilhos de trem, o que levou os serviços ferroviários ao redor de Gênova a serem interrompidos.

Autoridades suspeitam que uma deficiência estrutural tenha causado o acidente, segundo a agência Ansa. A Atlantia, companhia que opera a rodovia, informou que obras para reforçar a fundação da ponte estavam sendo executadas no momento do colapso, acrescentando que o local estava sob monitoramento constante. As ações da companhia despencaram 6,3 % após o desastre.

A ponte é uma importante conexão entre as regiões da Lombardia e Piemonte com as praias da Ligúria e com a principal rodovia de ligação com a França. O viaduto foi construído nos anos 1960 e restaurado em 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *