Ponte Preta vence a Lusa por 4 a 3

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado sábado, 1 de março de 2003 as 18:38, por: CdB

Em uma partida movimentada e cheia de gols, a Ponte Preta suou para vencer a Portuguesa por 4 a 3, pelo Torneio da Morte do Campeonato Paulista. A partida foi disputada na tarde deste sábado, no estádio do Canindé.

Foi a primeira derrota do técnico Luís Carlos Martins no comando da Portuguesa. Antes de ser superado pela Ponte, o treinador contabilizava duas vitórias e um empate à frente da Lusa.

Já a Ponte Preta fez uma má campanha na primeira fase do Paulista, quando venceu apenas uma partida. Além disso, vinha de uma derrota no clássico contra o Guarani.

Mesmo sob um forte calor, a partida começou movimentada. Aos 4min, Luizinho Vieira cruzou, e Wesley, de cabeça, acertou a trave da Portuguesa. O troco do time da casa veio aos 10min, com Edson Araújo desviando rente à trave direita da Ponte.

Aos 38min, Sérgio Alves invadiu a área e foi derrubado por Capitão. O próprio Sérgio Alves cobrou o pênalti no meio do gol, mas o goleiro Gléguer, bem posicionado, conseguiu salvar a Portuguesa.

O time da casa não perdeu tempo e reagiu aos 44min. Depois de cruzamento para a área, a bola sobrou limpa para o atacante Alex Alves, que soltou a bomba para fazer 1 a 0 para a Portuguesa.

A Portuguesa começou pressionando na segunda etapa. Logo aos 20 segundos, Alex Alves aproveitou cruzamento e tocou de bicicleta. O goleiro Alexandre Négri se esticou e conseguiu espalmar para escanteio.

Depois do susto, a Ponte Preta partiu para cima e chegou ao empate aos 5min. Adrianinho recebeu na entrada da área e, de sem-pulo, chutou forte, sem defesa para Gléguer.

As duas equipes passaram a criar chances de gol, mas quem marcou foi a Portuguesa. Aos 16min, Alex Alves foi lançado por Granja, ganhou na velocidade de Marinho e tocou na saída do goleiro.

A Ponte Preta, novamente em desvantagem, voltou a correr atrás do empate. Aos 27min, Lucas aproveitou cruzamento de Elivélton e empurrou para as redes da Portuguesa.

O time campineiro se animou e virou aos 37min. Lucas cruzou e Sérgio Alves, de cabeça, fez o terceiro da Ponte. Mas não deu tempo para comemorar: na saída de bola, Robson bateu e empatou novamente para a Portuguesa.

O empate parecia definido, mas a Ponte conseguiu marcar o gol da vitória no minuto final. Depois de cruzamento, Sérgio Alves aproveitou vacilo de Gléguer para tocar para as redes e garantir a primeira vitória do time campineiro no Torneio da Morte.

Na próxima quarta-feira, a Portuguesa irá a Jundiaí, onde enfrentará o Paulista, às 20h30, no estádio Dr. Jayme Cintra. No mesmo horário, a Ponte Preta receberá o Ituano, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.