Preço do botijão de gás fica mais caro em todo o país

Arquivado em: Energia, Últimas Notícias
Publicado domingo, 5 de maio de 2019 as 14:30, por: CdB

O reajuste ocorre, exatamente, uma semana depois que o ministro da Economia, Paulo Guedes, prometeu reduzir o preço do produto pela metade.

 

Por Redação – do Rio de Janeiro

 

Desde o primeiro minuto deste domingo, o preço do gás liquefeito de petróleo (GLP), na embalagem de até 13 quilos, conhecido como ‘botijão de gás’, custa entre 3,3% a 3,6% mais do que na véspera. A decisão, tomada pela Petrobras, eleva o preço médio dos atuais R$ 65,33 para R$ 66,20.

Apesar das promessas do ministro Paulo Guedes, o preço do botijão de gás voltou a subir
Apesar das promessas do ministro Paulo Guedes, o preço do botijão de gás voltou a subir

O reajuste ocorre, exatamente, uma semana depois que o ministro da Economia, Paulo Guedes, prometeu reduzir o preço do produto pela metade. “Pelos cálculos do Sindigás, o valor do GLP empresarial está 19,5% acima do GLP para embalagens de até 13 kg”, constatou, em nota, o sindicato.

Energia

No dia 26 de abril, Paulo Guedes afirmou que, em até no máximo 60 dias, seriam tomadas medidas que vão reduzir o preço do gás natural pela metade. Sua estratégia seria vencer a resistência da Petrobras, com o apoio do presidente da estatal, Roberto Castello Branco.

— A ideia é levar para as famílias brasileiras pela metade do preço. Reindustrializar o País com energia barata é muito atraente para nós — disse Guedes, a jornalistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *