Preço do petróleo sobe com provável acordo entre China e EUA

Arquivado em: Negócios, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 27 de agosto de 2019 as 12:15, por: CdB

Trump disse na segunda-feira que acreditava que a China era sincera em querer chegar a um acordo.

Por Redação, com Reuters – de Londres

Os contratos futuros do petróleo subiam mais de 1% nesta terça-feira, depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, previu um acordo comercial com a China, na esteira de comentários positivos de Pequim, acalmando as preocupações levantadas por uma rodada anterior de aumentos tarifários.

O petróleo dos Estados Unidos avançava US$ 0,58, ou 1,08%, a US$ 54,22 por barril.
O petróleo dos Estados Unidos avançava US$ 0,58, ou 1,08%, a US$ 54,22 por barril.

O petróleo Brent subia US$ 0,52, ou 0,89%, a 59,22 dólares por barril, às 11:33 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos avançava US$ 0,58, ou 1,08%, a US$ 54,22 por barril.

Trump disse na segunda-feira que acreditava que a China era sincera em querer chegar a um acordo, enquanto o vice-primeiro-ministro chinês Liu He disse que a China estava disposta a resolver a disputa por meio de negociações “calmas”.

“Enquanto a expectativa de uma trégua temporária na guerra comercial pode ser o que está elevando os sentimentos e os contratos futuros do petróleo esta manhã, a resolução da guerra comercial entre EUA e China levará tempo”, disse Harry Tchilinguirian, estrategista global de petróleo do BNP Paribas

Os contratos futuros do petróleo caíram cerca de 20% em relação às altas de 2019 alcançadas em abril, em parte por causa de preocupações de que a guerra comercial entre EUA e China está desacelerando a economia global, o que poderá prejudicar a demanda por petróleo.