PRF começa operação Rodovida nas estradas do país

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, São Paulo, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 20 de dezembro de 2019 as 14:27, por: CdB

No ano de 2018, a PRF registrou a ocorrência de 183 acidentes durante a operação, um número 65% inferior em relação ao ano de 2011, quando foi lançada a primeira edição da Rodovida.

Por Redação, com ABr – de Brasília/São Paulo

Com a movimentação intensa para as festas de fim de ano e férias, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) começou nesta sexta-feira a operação Rodovida, no intuito de diminuir a violência no trânsito.

Com ações educativas e de fiscalização, medida vai até 1º de março
Com ações educativas e de fiscalização, medida vai até 1º de março

Com ações educativas e de fiscalização, a Operação Rodovida vai até o dia 1º de março nas estradas de todo o país. A ação é feita em parceria com Estados, municípios, ministérios e também com o Departamento Nacional de Trânsito.

No ano de 2018, a PRF registrou a ocorrência de 183 acidentes durante a operação, um número 65% inferior em relação ao ano de 2011, quando foi lançada a primeira edição da Rodovida. Os números de feridos e mortos também caíram de 24,7% e 38,5%, respectivamente.

São Paulo

A partir desta sexta-feira, os recessos e comemorações que levam o paulistano a se movimentar para outras cidades já eleva o fluxo de pessoas nas rodoviárias, estradas e aeroportos, principalmente em direção ao litoral e ao interior.

Os terminais rodoviários Jabaquara, Barra Funda e Tietê têm expectativa de receber mais de 1,037 milhão de passageiros entre esta sexta e próxima quinta-feira. As cidades mais procuradas são as do interior e litoral de São Paulo, Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Belo Horizonte, Sul de Minas, Curitiba e Florianópolis. Entre os dias 20 e 23 de dezembro serão mais de 3.220 ônibus extras.

Segunda a Socicam, administradora dos terminais, os usuários devem ficar atentos à documentação e bagagens: é essencial que todos os passageiros, até mesmo as crianças, apresentem documento de identificação original e com foto. A partir dos 16 anos de idade, o passageiro pode viajar totalmente desacompanhado. Já os menores de 16 anos precisam de autorização para viajar. Mais detalhes podem ser encontradas no site do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Nos ônibus é permitido que o passageiro carregue bagagem de até 30 kg no bagageiro e de até 5 kg à mão. A identificação das bagagens com etiqueta é recomendável.

Aeroportos

Estimativas da concessionária GRU Airport, que administra o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, apontaram que a movimentação de passageiros e quantidade de pousos e decolagens começou a aumentar em 12 de dezembro. Desde esse dia, a expectativa média é de cerca 140 mil passageiros chegando ou partindo no aeroporto, em comparação à média diária de 120 mil pessoas nos períodos normais. Além disso, são esperados 900 pousos e decolagens, por dia, em contraposição às cerca de 820 operações diárias na baixa temporada.

A movimentação atípica em função das festas de fim de ano e férias deve seguir até o final de fevereiro de 2020. Em dezembro, os dias mais agitados nos terminais do aeroporto internacional devem ser de 17 a 20 de dezembro e logo após o Natal, nos dias 26 e 27 de dezembro.

Já o Aeroporto de Congonhas, na Zona Sul da capital, deve receber 1,56 milhão de passageiros entre 16 de dezembro e 5 de janeiro de 2020. Segundo a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária), que administra o terminal, o número representa crescimento de 15% em relação aos 1,3 milhão de viajantes contabilizados de 17 de dezembro de 2018 a 6 de janeiro deste ano. Durante a alta temporada, o terminal paulistano também deve receber 10.419 aeronaves, 223 operações a mais que no mesmo período do ano anterior.

Estradas

A Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) espera que o fluxo nas rodovias paulistas aumente entre as 12h e as 21h de hoje e que o pico da movimentação aconteça entre 6h e 18h deste sábado. A estimativa é de que mais de 2,5 milhões de veículos deixem a Grande São Paulo com destino ao Interior e litoral Paulista.

Também nessa sexta-feira tem início nas principais rodovias paulistas a Operação Verão + Seguro 2019/2020, para minimizar os impactos do intenso fluxo de veículos que ocorre nessa época do ano. Até fevereiro, quando a operação será encerrada, as concessionárias de rodovias intensificam o monitoramento das pistas, assim como a operação e os serviços de atendimento médico e mecânico para acompanhar o aumento do tráfego.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *