Primeiro de Maio em Curitiba une principais centrais sindicais do país

Arquivado em: Brasil, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 30 de abril de 2018 as 15:25, por: CdB

Manifestações terão como mote principal a libertação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Haverá um forte esquema de policiamento, em Curitiba, durante o feriado do Dia do Trabalhador.

 

Por Redação – de Curitiba

 

As sete maiores centrais sindicais brasileiras farão, este ano, um 1º de Maio unificado; pela primeira vez desde a redemocratização do país. O ato de Curitiba terá como mote “Em Defesa dos Direitos e por Lula Livre”.

A apresentadora Bela Gil deixou seu apoio ao ex-presidente Lula
A apresentadora Bela Gil foi uma das celebridades que já compareceu ao acampamento em Curitiba e deixou seu apoio ao ex-presidente Lula

O que unificou CUT, Força Sindical, CTB, Nova Central, CST, UGT, CSB e Intersindical foi a defesa da liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O líder petista “é mantido como preso político na sede da Superintendência da Polícia Federal de Curitiba, há 20 dias. E a certeza de que eleição de Lula para presidente da República em outubro é a chance que a classe trabalhadora tem de conseguir resgatar direitos perdidos nos últimos anos”, diz o comunicado.

“Os sindicalistas estão também unificados em torno de uma pauta comum de interesse da classe trabalhadora, como uma política econômica de geração de empregos e renda, defesa da seguridade e da Previdência Social pública, o fim da lei do congelamento de gastos e a revogação da reforma Trabalhista”, acrescenta a nota.

Apresentações

Os presidentes das sete centrais participam do ato; além de representantes de movimentos sociais como MST, MTST; UNE e Central de Movimentos Populares; entre outros integrados pelas frentes Brasil Popular e Povo sem Medo.

Como tem ocorrido desde a instalação do acampamento Lula Livre na capital paraense; a manifestação de terça-feira, a partir das 14h na Praça Santos Andrade (Praça da Democracia). O local fica no centro histórico de Curitiba e terá um forte ingrediente cultural. Haverá apresentação de artistas conhecidos por seu posicionamento em defesa da democracia, como Beth Carvalho; Ana Cañas, Maria Gadu; o rapper Renegado e muitos artistas locais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *