Príncipe Charles está infectado com o coronavírus

Arquivado em: Destaque do Dia, Europa, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 25 de março de 2020 as 13:52, por: CdB

O casal está isolado no Castelo de Balmoral, na Escócia, e, segundo o porta-voz, “não é possível certificar de quem o príncipe pegou o vírus”. Até o momento, o Reino Unido é o 10º país mais atingido pela pandemia.

Por Redação, com ANSA e Reuters – de Londres

A família real do Reino Unido anunciou nesta quarta-feira que o príncipe Charles, primeiro na linha de sucessão do trono britânico, contraiu o novo coronavírus (Sars-CoV-2).

Príncipe Charles testa positivo para novo coronavírus
Príncipe Charles testa positivo para novo coronavírus

Segundo o porta-voz da realeza, o príncipe de Gales, que tem 71 anos, apresenta sintomas “suaves” e “permanece em boa saúde”.

Sua esposa, a duquesa da Cornualha, Camilla, foi examinada, mas testou negativo para o novo coronavírus.

O casal está isolado no Castelo de Balmoral, na Escócia, e, segundo o porta-voz, “não é possível certificar de quem o príncipe pegou o vírus”. Até o momento, o Reino Unido é o 10º país mais atingido pela pandemia em termos absolutos, com 8,2 mil contágios e mais de 400 mortos.

Assistência

Quase meio milhão de pessoas do Reino Unido já pediram assistência ao governo nos últimos nove dias, um sinal de como a interdição de grande parte da economia para desacelerar a disseminação do coronavírus está abalando a renda das pessoas.

Peter Schofield, principal autoridade civil do Departamento de Trabalho e Pensões, disse a parlamentares que 477 mil pedidos de benefícios de crédito universal foram registrados desde a segunda-feira da semana passada.

Therese Coffey, ministra britânica do Trabalho e das Pensões, disse que não está claro quantas das pessoas que fizeram os pedidos são autônomas, categoria para a qual o governo ainda tem que anunciar medidas de apoio salarial semelhantes àquelas das pessoas empregadas.

– Quero assegurar às pessoas que a ajuda, ainda que atualmente não esteja no nível de ajuda que gostariam, está aqui para auxiliá-las através da rede de segurança do Estado de bem-estar social – disse Coffey.

O porta-voz do Departamento de Trabalho e Pensões não estava disponível de imediato para fornecer maiores detalhes sobre os números.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *