Procon faz plantão durante a Bienal no Rio

Arquivado em: Destaque do Dia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 30 de agosto de 2019 as 12:57, por: CdB

O consumidor que estiver visitando a Bienal e desejar fazer reclamações ou denúncias poderá contar com agentes bilíngues.

Por Redação, com ACS – de Rio de Janeiro

O Procon Estadual estará de plantão com o grupo de trabalho do Procon Tur durante a Bienal do Livro que começou nesta sexta-feira até 8 de setembro. Os agentes farão o atendimento de segunda a quinta-feira das 9h às 21 horas e sexta-feira de 9h às 22 horas. Já aos finais de semana atendimento será de 10h às 22h. Eles estarão de sobreaviso por telefones, pelo App ProconRJ para ajudar os consumidores na solução de possíveis problemas.

O ProconTur é um grupo de trabalho especializado no atendimento ao turista e grandes eventos

Os fiscais realizaram, na quinta-feira, uma visitação prévia para orientar os organizadores sobre normas gerais de direito do consumidor, autenticar Livros de Reclamação e instruir sobre os cartazes e documentos obrigatórios. O evento ocorre no Riocentro, mas o atendimento nesses dias será realizado pelos telefones (21) 99371 9647 e (21) 99332 8289, pelo e-mail [email protected] ou pelo aplicativo Procon-RJ, que pode ser baixado gratuitamente tanto para Android quanto para IOS.

O ProconTur é um grupo de trabalho especializado no atendimento ao turista e grandes eventos. O consumidor que estiver visitando a Bienal e desejar fazer reclamações ou denúncias poderá contar com agentes bilíngues, que estarão prontos para ajudar na solução das demandas de forma eficiente e rápida.

Estudantes da rede pública estadual

O Governo do Rio de Janeiro, por meio das Secretaria de Educação e Cultura e Economia Criativa, disponibilizou ingressos gratuitos para 40 mil estudantes da rede pública estadual para o maior evento literário do país. Cada aluno receberá um vale de R$ 50 que poderá ser trocado por livros, revistas e quadrinhos durante a feira.

– Acreditamos na democratização da leitura como vetor de transformação social. Nosso objetivo é construir uma sociedade mais leitora, além de viabilizar um melhor desempenho desses jovens em redação e na educação como um todo – comentou o secretário de estado de Cultura e Economia Criativa, Ruan Lira, lembrando ainda que, para a Bienal do Livro deste ano, 29 mil ingressos a mais foram disponibilizados pela administração estadual com relação à edição de 2017.

Ingressos aos professores

Outros 5 mil ingressos também serão cedidos aos professores para que possam prestigiar a feira literária. A ação é fruto de uma parceria com a Fecomércio e os organizadores da Bienal do Livro.

Para o secretário de Estado de Educação, Pedro Fernandes, esta é uma oportunidade para que estudantes e educadores do Rio de Janeiro tenham um contato maior com o universo da literatura. Professores da rede pública e alunos lançarão livros durante o evento.

– Será uma grande experiência para os estudantes e professores. A leitura é muito importante para a cultura dos nossos alunos – declarou o secretário.

Até o dia 08 de setembro, a Bienal do Livro será realizada no Riocentro, na Zona Oeste (Av. Salvador Allende, 6555). De segunda a quinta-feira, o horário de funcionamento é de 9h às 21h, enquanto às sextas é de 9h às 22h. Aos finais de semana, a feira funciona de 10h às 22h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *