Produção de remakes será sempre saudável e muito bem-vinda

Arquivado em: Coluna da TV, Cultura, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 27 de dezembro de 2019 as 09:33, por: CdB

E se já não bastassem esses apelos, ao telespectador repetido as diferenças sempre são surpreendentes, entre as mais positivas, o trabalho de construção dos personagens.

Por Flávio Ricco – do Rio de Janeiro

Colaboração – José Carlos Nery

Aqui mesmo, não faz muito tempo, foi destacada a importância da televisão também se preocupar em reviver as suas grandes novelas do passado.

Gloria Pires e Antônio Calloni em
Gloria Pires e Antônio Calloni em “Éramos Seis”

Sinhá Moça, Cabocla, O Astro, O Profeta, Gabriela, O Rebu e Anjo Mau, entre outras, já faziam parte desta lista, além de Éramos Seis, como outro exemplo bem destacado, a que está em cartaz e depois de outras realizadas por Record, Tupi duas vezes e SBT.

A própria renovação do público deve ser destacada como um dos fatores mais importantes.

Mas, por outro lado, também não deixa de ser um atrativo dos mais interessantes, para aqueles que acompanharam as versões anteriores.

E se já não bastassem esses apelos, ao telespectador repetido as diferenças sempre são surpreendentes, entre as mais positivas, o trabalho de construção dos personagens. Agora, por exemplo, em Éramos Seis, todos levam uma assinatura própria de cada um dos atores escalados.

E concebidos na altura de uma Glória Pires, Antonio Caloni, Cássio Gabus Mendes, Simone Spoladore, Eduardo Sterblitch, Suzana Vieira, Ellen Roche, Ricardo Pereira, Nicolas Prattes e todos os outros. Vale muito a pena.

TV Tudo

Caminho livre

Ao confirmar presença na primeira temporada de Tá Pago, na TNT, Leandro Hassum ouviu do grupo Turner que poderia trabalhar em qualquer outra plataforma, porém, investindo em formatos diferentes.

Algo que ele já está fazendo, por meio de acertos com Netflix e Multishow.

Acelerado

A CNN Brasil, a partir da próxima semana, irá intensificar os preparativos para o lançamento do canal.

Entre os trabalhos previstos, as gravações de pilotos com Reinaldo Gottino e William Waack, que terão espaços diários na grade.

Trabalho fora

A CNN Brasil também passará a se valer dos trabalhos de algumas produtoras independentes, para compor a sua grade de programação.

Toda a parte de documentários e até mesmo alguns programas serão desenvolvidos em esquema de parceria.

Só agora

Até meados deste próximo mês, a direção da Band pretende resolver o que ainda falta sobre o novo Jornal da Noite.

A ideia é desenvolver algo muito na linha do Edição das 10, da GloboNews. Um jornal com informação e opinião.

Faixa mantida

Porque os resultados não são nada bons e não há a perspectiva de qualquer melhora nos próximos tempos, a direção da Band vai mexer na programação das manhãs.

Não está decidido ainda o que vai acontecer, mas já há a convicção que não é mais possível deixar como está.

A propósito

As mudanças que a Band pretende realizar na sua grade não se limitam apenas a faixa das manhãs.

Há o desejo de intervir em outros horários e aumentar os resultados de maneira geral.

Mercado

É de se esperar, para o início deste próximo ano, uma movimentação muito forte no mercado, diante do desejo de empresas como Netflix e Amazon, entre outras, em formar seus elencos.

Já existem produtores de elenco completamente envolvidos com isso.

Vai em frente

O Profissão Repórter, do Caco Barcelos, que nasceu meio na base da experimentação, mas sempre com muita garra e determinação da sua equipe, tornou-se um produto indispensável na grade da Globo.

Um trabalho diferente que há muito tempo o jornalismo estava devendo. Em 2020, certeza, já tem nova temporada garantida.

Logística

Denis Gavazzi, diretor do BandSports, já tem planificada toda a cobertura da Olimpíada do Japão, entre julho e agosto deste próximo ano.

No decorrer desses dois próximos meses, pretende completar a formação da sua equipe.

Passagem de tempo

Em sua nova fase, As Aventuras de Poliana, no SBT, terá uma passagem de tempo.

A ideia é manter boa parte do elenco, valendo-se do processo de envelhecimento.

Futuro incerto

Nuvens escuras cobrem a dramaturgia do SBT, não sendo possível apostar em nada para os próximos tempos.

Por enquanto, a ordem é seguir com As Aventuras de Poliana todo esse próximo ano e começo do outro. Sem qualquer definição sobre a sua substituta.

Bate – Rebate

·       Jornalismo da TV Cultura, em uma iniciativa das mais saudáveis, está otimizando a participação das praças.

·       É definitivo: Planeta Starup não terá nova temporada nas Band…

·       … E o Me Poupe também não…

·       … Hoje há o entendimento que foram cometidos enganos imperdoáveis nas duas produções.

·       Mesmo tendo prestado serviços para a Amazon, Gabriel Leone é um ator que a Globo ainda tem nos seus planos…

·       … Aliás, o nome dele continua como um dos mais disputados entre os autores.

·       Nos Tempos do Imperador, próxima das 18h, na Globo, tem seu início de trabalhos previsto para fevereiro…

·       … A sua escalação já está praticamente fechada…

·       … Estreia prevista para o dia 30 março, em substituição a Éramos Seis.

C´est fini

Na Globo, a avaliação é que o último Popstar, recentemente realizado, atendeu inteiramente o que dele se esperava.

E já tem nova temporada confirmada em 2020.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *