PSG demite técnico Thomas Tuchel

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado terça-feira, 29 de dezembro de 2020 as 12:08, por: CdB

O Paris Saint Germain, atual campeão francês, demitiu o técnico alemão Thomas Tuchel em um momento em que o clube ocupa a terceira colocação na tabela de classificação do Campeonato Francês, informou o clube em comunicado nesta terça-feira. 

Por Redação, com Reuters – de Paris/Madri

O Paris Saint Germain, atual campeão francês, demitiu o técnico alemão Thomas Tuchel em um momento em que o clube ocupa a terceira colocação na tabela de classificação do Campeonato Francês, informou o clube em comunicado nesta terça-feira.

Thomas Tuchel durante partida do PSG contra o Montpellier pelo Campeonato Francês
Thomas Tuchel durante partida do PSG contra o Montpellier pelo Campeonato Francês

Tuchel, que levou o PSG à final da Liga dos Campeões em agosto, quando a equipe foi derrotada pelo Bayern de Munique, foi demitido no Natal, depois da derrota da equipe por 4 a 0 para o Racing Strasbourg.

– Gostaria de agradecer a Thomas Tuchel e à sua equipe por tudo que trouxeram ao clube – disse o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi. “Thomas colocou muita energia e paixão em seu trabalho e, é claro, vamos lembrar dos bons momentos que compartilhamos juntos. Desejo a ele o melhor no futuro.”

O PSG tem 35 pontos em 17 jogos no Campeonato Francês, um ponto atrás dos líderes Olympique Lyonnais e Lille, e está nas oitavas de final da Liga dos Campeões, quando terá o Barcelona pela frente. Tuchel, de 47 anos, foi contratado pelo PSG em 2018 e levou o clube a dois títulos do Campeonato Francês, além de conquistar os quatro títulos domésticos em sua segunda temporada na equipe.

O jornal L’Equipe noticiou que o argentino Mauricio Pochettino, ex-treinador do Tottenham, será contratado como sucessor de Tuchel. Pochettino, que foi jogador do PSG no início dos anos 2000, está desempregado desde que foi demitido do Tottenham em novembro de 2019, poucos meses depois de levar o clube londrino à final da Liga dos Campeões.

Diego Costa rescinde contrato com Atlético de Madri

O Atlético de Madri disse nesta terça-feira que concordou em rescindir o contrato do atacante brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa.

Um comunicado do Atlético informou que o jogador de 32 anos, cujo contrato termina em junho de 2021, pediu há vários dias para deixar o clube imediatamente por motivos pessoais e nesta terça-feira ele assinou sua dispensa do atual contrato.

– Passamos muito tempo juntos ao longo dos anos, ele nos deu muito e nós também demos muito a ele – disse o técnico do Atlético, Diego Simeone, em entrevista coletiva momentos após o anúncio da saída de Costa.

– Falamos sobre seus problemas pessoais e o clube queria ajudá-lo sem prejudicar seus próprios interesses e nos sentimos melhor agora que resolvemos o problema.

– Ele sentiu a necessidade de encontrar um novo desafio e tenho certeza que aonde quer que vá, ele vai se dar bem, porque é um lutador – acrescentou o argentino.

Diego Costa ajudou o Atlético a conquistar o título espanhol em 2014 com 27 gols, mas partiu para o Chelsea no mesmo ano.

O atacante voltou à capital espanhola em 2018, mas teve dificuldades em sua segunda passagem, que foi repetidamente afetada por lesões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code