Republicanos advertem Trump sobre trabalho de Mueller

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado domingo, 18 de março de 2018 as 15:13, por: CdB

O senador republicano Jeff Flake, que criticou Trump, disse que parecia que os últimos comentários do presidente tinham por objetivo provocar a demissão de Mueller

Por Redação, com Reuters – de Washington:

Senadores republicanos alertaram o presidente Donald Trump no domingo contra queixas ao procurador especial dos Estados Unidos, Robert Mueller, e disseram que deve permitir que investigações federais apurem a tentativa de se mexer na eleição dos EUA.

O presidente republicano renovou seus ataques no Twitter tanto da Polícia Federal dos EUA (FBI) quanto na sondagem de Mueller desde a demissão na sexta-feira do ex-vice-diretor da agência, Andrew McCabe, dias antes de ele poder se aposentar com benefícios integrais.

Donald Trump

O senador republicano Jeff Flake, que criticou Trump; disse que parecia que os últimos comentários do presidente tinham por objetivo provocar a demissão de Mueller.

– Eu não sei quais ações estão sendo conduzidas por Mueller; mas parece estar construindo para isso; e espero que não vá por aí, porque não pode. Nós do Congresso não podemos aceitar isso – disse Flake ao programa da CNN “Estado da União”.

– Então, espero ver um impulso considerável nos próximos dias, pedindo ao presidente que não vá lá. Ele não pode ir lá.

Em uma série de postagens no Twitter durante o fim de semana; Trump acusou a cúpula do FBI de mentiras, corrupção e vazamento de informações. Ele chamou a investigação da interferência russa nas eleições de uma caçada às bruxas politicamente motivada.

– A investigação de Mueller nunca deveria ter sido iniciada na medida em; que não houve colusão e não houve crime – disse Trump no sábado. No domingo, ele atacou o ex-diretor do FBI James Comey e McCabe; altos funcionários envolvidos na investigação da Rússia e que posteriormente foram demitidos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *