Rio promove Encontro Nacional de Bombeiras Militares

Arquivado em: Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 4 de março de 2020 as 13:56, por: CdB

A expectativa é de que cerca de 400 profissionais de todo o Brasil participem da sexta edição do evento, promovido pelo Conselho Nacional de Corpos de Bombeiros.

Por Redação, com ACS – de Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro sediou, pela primeira vez, o Encontro Nacional de Bombeiras Militares (ENBOM), de quarta a sexta-feira. A expectativa é de que cerca de 400 profissionais de todo o Brasil participem da sexta edição do evento, promovido pelo Conselho Nacional de Corpos de Bombeiros.

Rio de Janeiro promove Encontro Nacional de Bombeiras Militares
Rio de Janeiro promove Encontro Nacional de Bombeiras Militares

– O Rio de Janeiro foi agraciado para ser a sede do Encontro 2020 em virtude de ter sido o estado campeão na competição “Bombeira de Garra” e é motivo de orgulho receber nossas colegas de profissão de várias partes do Brasil para falarmos sobre as melhores práticas de ser uma bombeira militar – disse a tenente-coronel Kellen Salles, que faz parte da organização do VI ENBOM.

Assuntos como carreira, maternidade, desafios e expectativas no ambiente de trabalho estão entre os que serão debatidos pelas participantes.

– O ENBOM é um evento que servirá para a troca de experiências e aprendizados da profissão. Também ajudará a nos fortalecer profissionalmente – completou a oficial.

Bombeira de Garra

No último dia haverá a tradicional competição “Bombeira de Garra”. Equipes compostas por quatro mulheres disputam o título de corporação mais ágil nos quesitos salvamento terrestre, marítimo e combate a incêndio.

– Tenho 39 anos, sendo 19 deles dedicados à corporação fluminense. Sou a primeira tenente-coronel combatente do estado do Rio de Janeiro e tenho muita satisfação em ser bombeira militar. Um dos salvamentos que mais me marcou foi um acidente de trânsito em que retirei com vida uma senhora do veículo. Naquele ano, ela me enviou um cartão de Natal, agradecendo por estar viva nesta data. Nossa profissão é muito gratificante – finalizou a militar.