Rússia vence Alemanha e leva o ouro inédito na final do hóquei

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Esportes Olímpicos, Últimas Notícias
Publicado domingo, 25 de fevereiro de 2018 as 17:19, por: CdB

Vale ressaltar que o time da Rússia nunca venceu em hóquei de gelo em Olimpíadas de Inverno. Em 1992, o ouro foi ganho por uma equipe conjunta, enquanto a equipe da URSS contava com sete medalhas de ouro olímpicas.

 
Por Redação, com Sputniknews – de PyeongChang, Coreia do Sul

Os atletas russos venceram a seleção alemã de hóquei durante o tempo suplementar do jogo da final no âmbito das Olimpíadas de Inverno 2018 em PyeongChang, na Coreia do Sul. Eles ganharam a segunda medalha olímpica para seu país neste evento esportivo. A partida, que decorreu neste domingo, acabou com o placar 4 a 3 com vantagem para os russos.

O time de hóquei da Rússia comemora o ouro inédito, nas Olimpíadas de Inverno
O time de hóquei da Rússia comemora o ouro inédito, nas Olimpíadas de Inverno

Vale ressaltar que o time da Rússia nunca venceu em hóquei de gelo em Olimpíadas de Inverno. Em 1992, o ouro foi ganho por uma equipe conjunta, enquanto a equipe da URSS contava com sete medalhas de ouro olímpicas. A equipe alemã, que ganhou a prata, também registrou seu melhor resultado histórico, pois antes só conseguiu ganhar o bronze como título mais alto.

Hino da Rússia

Os jornalistas, outros atletas e simplesmente amadores do esporte ressaltam a grande tensão que marcou a partida deste domingo.

— Foi uma vitória inesperadamente difícil, nossos atletas estavam nervosos, a responsabilidade também pesou. Os nossos jogadores de hóquei não conseguiram lidar com o estresse, mas o mais importante é que ganharam. Embora tenha sido duro, a vitória é nossa. Passado algum tempo, isso será tudo esquecido, mas o fato de nós sermos campeões olímpicos e termos aproveitado a nossa chance ficará. Toda a equipe são heróis, todos participaram da batalha — comentou para a agência russa de notícias Sputnik o bicampeão olímpico da modalidade, Aleksandr Kozhevnikov.

Para a seleção de Atletas Olímpicos da Rússia esta medalha de ouro é a segunda; dado que mais cedo a patinadora artística Alina Zagitova conseguiu bater um recorde mundial. Ela ocupou o primeiro lugar no pódio, embora sob bandeira neutra. Sem ouvir o hino nacional do seu país devido a recentes escândalos de doping envolvendo Moscou.