Saída de capitais acumula em quatro dias R$ 6,2 bilhões

Arquivado em: Negócios, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 9 de outubro de 2019 as 12:29, por: CdB

Em agosto, saldo de capital externo ficou negativo em quase R$ 10,8 bilhões, recorde de saída mensal líquida do segmento, na Bovespa. Já em setembro, quando o Ibovespa subiu 3,57%, as entradas superaram as saídas em R$ 425,9 milhões

Por Redação – do Rio de Janeiro

A saída de capitais em outubro já acumulou R$ 6,2 bilhões, levando a parcial negativa deste ano para R$ 27 bilhões, quase 10% a mais do que os 24,8 bilhões que se evadiram no ano de 2008, com a crise mundial. De acordo com o blog Tijolaço, a Bovespa divulgou o fluxo de capitais estrangeiro no mercado de ações até a última sexta-feira, ou seja, resultado de apenas quatro dias.

A Bovespa divulhou o fluxo de capitais estrangeiro no mercado de ações até a última sexta-feira, ou seja, resultado de apenas quatro dias
A Bovespa divulhou o fluxo de capitais estrangeiro no mercado de ações até a última sexta-feira, ou seja, resultado de apenas quatro dias

Ainda de acordo com o blog, “desde a crise mundial, em 2008, até o ano passado, havia entrada líquida de recursos no mercado acionário brasileiro, exceção a uma pequena saída (R$ 1,4 bi) em 2011”.

Segundo a agência inglesa de notícias Reuters, em agosto, o saldo de capital externo ficou negativo em quase R$ 10,8 bilhões, recorde de saída mensal líquida do segmento Bovespa. Já em setembro, quando o Ibovespa subiu 3,57%, as entradas superaram as saídas em R$ 425,9 milhões, em movimento favorecido pela perspectiva de mais estímulos monetários no exterior, o que tende a favorecer migração de recursos para mercados emergentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *