São José dos Pinhais  suspende aulas presenciais por tempo indeterminado

Arquivado em: Brasil, Destaque do Dia, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 21 de julho de 2021 as 14:27, por: CdB

A prefeitura de São José dos Pinhais suspendeu, por tempo indefinido, as aulas presenciais e semipresenciais da rede municipal de ensino. A decisão consta no Ofício 148/2021, datado de 15 de julho.

Por Redação, com Brasil de Fato – de Brasília

A prefeitura de São José dos Pinhais suspendeu, por tempo indefinido, as aulas presenciais e semipresenciais da rede municipal de ensino. A decisão consta no Ofício 148/2021, datado de 15 de julho. A decisão informa que “fica mantido o atual modelo de ensino remoto nas unidades educacionais da rede pública no 2º semestre/2021.”

Decisão acontece no momento em que crescem as confirmações de infecções pela variante Delta no Paraná

No documento, assinado pelo secretário municipal de Educação, Aldrian Fernando, afirma-se que a decisão considera recomendações do Conselho Municipal de Educação, do Conselho Municipal de Saúde do Município e da Secretaria Municipal de Saúde.

Os órgãos recomendam que o retorno das aulas presenciais deve ocorrer somente depois que a pandemia estiver epidemiologicamente controlada. Em memorando, a Secretaria Municipal de Saúde lembrou o crescimento do número de infecções entre crianças no município.

“Ressalta-se que no mês de março/2021 o Hospital e Maternidade Municipal de São José dos Pinhais (HMSJP) registrou 12 casos confirmados de covid-19 em crianças, sem necessidade de UTI, enquanto em maio/2021 registrou 37 casos de covid-19 com encaminhamento de 06 casos para UTI”, diz o documento.

A Secretaria pontuou também que o índice de pessoas completamente imunizadas no município ainda não demonstra segurança para retorno presencial: “Apesar do avanço da vacinação em nosso território, com cobertura de 57% da população acima dos 18 anos com a 1ª dose, apenas 18% já completaram o esquema vacinal com a 2ª dose.”

Variante Delta

A decisão de suspensão das aulas presenciais acontece no momento em que crescem as confirmações de infecções pela variante Delta no Paraná. Apenas na região metropolitana de Curitiba, na segunda, foram confirmados quatro casos. Em todo o Estado, são 13, com seis mortes.

A variante Delta é 75% mais contagiosa do que a cepa original de SARS-CoV-2. Além disso, se espalha 50% mais rápido do que outras variantes. Segundo técnicos da Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde, a avaliação sobre o cenário da transmissão da variante Delta no Paraná é permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code