Seqüestradores não fazem contato com a família de Robinho

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado segunda-feira, 8 de novembro de 2004 as 10:43, por: CdB

Os seqüestradores da mãe do atacante Robinho, do Santos, ainda não fizeram contato com a família do jogador, mas a polícia já trabalha na confecção do retrato-falado dos dois homens que levaram Marina Lima de Souza, a mãe do craque santista no último sábado.  As duas testemunhas que estavam com Marina, de 43 anos, foram ouvidas e puderam dar algunsx detalhes sobre os dois homens que a levaram e não usavam capuz ou máscara no momento do seqüestro. 

Marina estava em um churrasco no sábado na casa de parentes, por volta das 21h, em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Dois homens armados invadiram o local, renderam os convidados, perguntaram quem era a mãe do jogador e a levaram.

O jogador estava com a delegação do Santos, em Criciúma, onde a equipe enfrentou o time catarinense pela 40ª rodada do Campeonato Brasileiro. O atacante chegou a se colocar a disposição do treinador Vanderlei Luxemburgo para atuar, mas foi liberado, viajando em seguida para Santos, onde está com a família. Segundo a polícia, até o momento não houve contato dos seqüestradores. 

A polícia santista confirmou na manhã de domingo o seqüestro de Marina Lima de Souza. Robinho chegou a Santos na parte da tarde, acompanhado pelo goleiro Júlio Sérgio, pelo zagueiro Domingos e pelo atacante William, que não foram relacionados para o jogo.

A polícia confirmou ainda na parte da manhã a localização do carro utilizado durante a ação dos seqüestradores, na própria Praia Grande. O caso começou a ser investigado imediatamente.

– Não podemos garantir oficialmente que foi um seqüestro, pois ainda não entraram em contato com a família do jogador. Estamos investigando o caso e já temos algumas pistas sobre o ocorrido. O mais importante é trazer a vítima de volta – afirmou o delegado regional da Baixada Santista.

Nos últimos dias, o nome de Robinho esteve envolvido em diversas especulações sobre uma possível transferência para o exterior. PSV, da Holanda, Benfica, de Portugal e Atlético de Madrid e Real Madrid, ambos da Espanha, já mostraram interesse em contratar o jovem ídolo santista.