Siamesa guatemalteca tem problema neurológico

Arquivado em: Arquivo CDB
Publicado quarta-feira, 9 de julho de 2003 as 03:41, por: CdB

Uma das siamesas guatemaltecas separadas ano passado teve um problema neurológico por causa da meningite que contraiu ao voltar a seu país, informou, nesta terça, um dos cirurgiões responsáveis pelas meninas de 23 meses.

 

– Infelizmente Maria Teresa sofreu um problema no sistema neurológico – disse Jorge Lazareff, o neurocirurgião que dirigiu a equipe que separou as gêmeas em agosto passado, nos Estados Unidos.

– Isto é resultado da meningite que pegou na Guatemala oito meses após a operação e quatro meses depois de deixar o (Hospital Pediátrico) Mattel da Universidade da Califórnia. Por outro lado, sua irmã Maria de Jesus está evoluindo muito bem e estamos muito contentes com sua condição neurológica – disse Lazareff.

Os médicos pretendiam dar alta para Maria Teresa sexta-feira passada, mas ela teve febre e não pôde sair do hospital.