Sindicato da Alemanha convoca greve na Amazon dias antes do Natal

Arquivado em: Destaque do Dia, Internet, Redes Sociais, Tecnologia, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 16 de dezembro de 2019 as 11:55, por: CdB

O sindicato Verdi convocou os trabalhadores de um importante centro de logística da Amazon na Alemanha a entrarem em greve durante os últimos dias de compras antes do Natal.

Por Redação, com Sputnik – de Berlim/São Paulo

O sindicato Verdi convocou os trabalhadores de um importante centro de logística da Amazon na Alemanha a entrarem em greve durante os últimos dias de compras antes do Natal, exigindo melhores salários e condições.

Sindicato alemão convoca greve na Amazon dias antes do Natal
Sindicato alemão convoca greve na Amazon dias antes do Natal

Desde 2013, os sindicatos organizam greves repetidas na Alemanha, o segundo maior mercado da Amazon depois dos Estados Unidos, na esperança de forçar o gigante do varejo a reconhecer acordos de negociação coletiva que se aplicam a outros funcionários do setor.

Em comunicado obtido pela agência inglesa de notícias Reuters, o sindicato afirma que pretende utilizar o movimento do Natal “para aumentar a pressão por barganha coletiva” e que os bônus de Natal, atualmente em US$ 441, deve quadruplicar.

A paralisação

– Precisamente durante as operações de Natal, os colegas estão mais sobrecarregados, estressados ​​e fazendo horas extras, e isso deve ser reconhecido com os recursos do acordo coletivo de Natal – disse o líder do movimento grevista, Mechthild Middeke.

A paralisação das atividades no centro de logística em Bad Hersfeld está prevista para começar na segunda-feira de manhã e deve durar até o sábado de noite.

No passado, a Amazon disse que os níveis de participação nas greves eram baixos e que não teve nenhum impacto operacional com a movimentação dos trabalhadores.

Centro de distribuição

A varejista norte-americana Amazon anunciou na semana passada a abertura de um novo centro de distribuição no Estado de Pernambuco, seu segundo no Brasil, fortalecendo sua infraestrutura logística para acelerar as entregas e expandir suas operações.

O movimento ocorre quase um ano após a gigante de comércio eletrônico inaugurar seu primeiro e tão aguardado centro de distribuição na região de Cajamar (SP), em um desafio para varejistas locais e outros players internacionais como o Mercado Livre.

O novo centro também sucede o lançamento do seu serviço de assinatura de produtos de entretenimento e compras, o Prime, acirrando ainda mais a concorrência ao oferecer frete gratuito ilimitado para todo o país.

– O anúncio de hoje marca nosso compromisso de longo prazo com o Brasil e, principalmente, com nossos clientes em todo o país – disse o presidente da Amazon no Brasil, Alex Szapiro, em nota.

A companhia não divulgou o quanto está investindo no novo centro de distribuição, que inicialmente terá 10 mil metros quadrados, em Cabo de Santo Agostinho, um município na Grande Recife, no estado de Pernambuco.

A varejista espera iniciar as operações no primeiro semestre de 2020, reduzindo o prazo mínimo de entrega para até dois dias em Recife, João Pessoa, Natal, Maceió e Fortaleza, de acordo com o comunicado.

Ainda segundo a Amazon, a abertura do centro de distribuição em Pernambuco deve criar centenas de postos de trabalho diretos e indiretos, que se somam aos mais de 3,2 mil empregos criados desde 2012 no Brasil.

WhatsApp

Serviço de mensagens instantâneas WhatsApp desenvolveu três novas funções que deverão facilitar a vida dos usuários, assim como evitar a entrada em grupos indesejados.

Desde seu lançamento, o WhatsApp se tornou uma ferramenta usada em todo o mundo. No entanto, a praticidade e utilidade do aplicativo deverão ser aprimoradas com três novas funções.

Grupos indesejados

Conforme publicou o tabloide Daily Star, a primeira das funções permitirá os usuários escolher quem poderá os inserir em grupos.

Entre as opções estão “todos os usuários”, “meus contatos” e “meus contatos exceto”. Sendo assim, os usuários do aplicativo poderão evitar ser inseridos em grupos indesejados.

Não perca as chamadas

A segunda função notificará o usuário enquanto estiver em uma chamada quando um segundo usuário tenta lhe chamar.

Desta forma, o usuário poderá migrar de uma chamada para a outra e cancelar a primeira.

Lembretes

Já a terceira função é fruto de uma parceria entre o WhatsApp e o aplicativo Any.do. Os usuários agora poderão criar lembretes de tarefas de sua rotina no aplicativo de mensagens.

Para tanto será necessário baixar o aplicativo Any.do. Uma vez conectados, o Any.do funcionará como um dos contatos presentes no WhatsApp.

Em sua conversa com o aplicativo, o usuário poderá deixar lembretes do tipo “me lembre de comprar comida no caminho pra casa”. Por sua vez, o Any.do receberá o comando e notificará o usuário para comprar comida.

Por enquanto o serviço do Any.do está disponível por meio de uma assinatura paga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *