Suspeitos são presos por tráfico de drogas em Petrópolis

Arquivado em: Polícia, Rio de Janeiro, Últimas Notícias
Publicado segunda-feira, 25 de janeiro de 2021 as 13:58, por: CdB

 

Policiais civis da 106ª DP (Itaipava), em ação conjunta com policiais militares do 26º BPM, prenderam dois homens em flagrante. Eles foram autuados pelos crimes de tráfico de  drogas e associação para o tráfico.

Por Redação, com ACS – do Rio de Janeiro

Policiais civis da 106ª DP (Itaipava), em ação conjunta com policiais militares do 26º BPM, prenderam dois homens em flagrante, no domingo. Eles foram autuados pelos crimes de tráfico de  drogas e associação para o tráfico de drogas.

Com os presos, foram apreendidos 106 pinos de cocaína e a quantia de R$ 43 em notas diversas

Segundo apurado, os dois atuavam na venda de entorpecentes na localidade do Atílio Marotti, no bairro Retiro, em Petrópolis. Com os presos, foram apreendidos 106 pinos de cocaína e a quantia de R$ 43 em notas diversas.

Na última sexta-feira, policiais civis da 13ª DP (Ipanema) prenderam, um homem e uma mulher acusados de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Eles foram capturados em casa, no bairro Vila Isabel, na Zona Norte do Rio de Janeiro, após monitoramento do Setor de Inteligência da unidade.

Segundo os agentes, na residência do casal havia grande quantidade de drogas, além de rádios transmissores, material para endolação de drogas, dinheiro em espécie, simulacro de armas, joias e máquinas de cartão de crédito.

Violência doméstica

Policiais civis da 112ª DP (Carmo) prenderam em flagrante, no domingo, um homem pelo crime de lesão corporal e injúria na forma da lei Maria da Penha. Ele foi capturado na zona rural do município de Carmo, após monitoramento do Setor de Inteligência.

Segundo os agentes, a vítima, adolescente de 13 anos, relatou que havia sido agredida pelo padrasto com golpes de cabo de vassoura, além de ter sido ofendida com diversas palavras ofensivas.

Uma Força-Tarefa da Polícia Civil, constituída por agentes da 105ª DP (Petrópolis), da 106ª DP (Itaipava) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE), prendeu, na manhã de sábado, um homem apontado como autor do sequestro e do homicídio de Patrícia Sá Fortes. O criminoso foi capturado na comunidade do Arará, em Benfica, Zona Norte do Rio de Janeiro. Ao ser detido, ele confessou e indicou onde estava o corpo da vítima.

Segundo os agentes, a mulher estava desaparecida desde a madrugada de sexta-feira, quando saiu de uma festa na casa de uma amiga em Itaipava. Assim que tomaram conhecimento do fato, os policiais iniciaram as investigações. Diligências foram realizadas e imagens de câmeras de monitoramento analisadas. Foi identificado o trajeto do carro da vítima e a localização na comunidade do Arará. Pertences dela também foram encontrados junto ao veículo.

O homem confessou, ainda, ter ateado fogo no corpo, que foi localizado carbonizado na Serra Rio-Petrópolis, altura do Km 88. Ainda de acordo com os policiais, o autor, que já trabalhou como jardineiro para a vítima, também tentou fazer uma transferência bancária durante a madrugada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code