Arcebispo é condenado por acobertar casos de pedofilia na Austrália

Philip Wilson foi condenado a 12 meses de prisão por ignorar denúncias de abusos cometidos por um padre na Austrália. Juiz afirma que réu não demonstrou remorso durante o processo Por Redação, com DW – de Newcastle: O arcebispo australiano Philip Wilson, de 67 anos, foi condenado nesta terça-feira a 12 meses de prisão, sob a […]

Continue lendo