Um bravo guerreiro em Sertânia

O jovem cangaceiro Antão é interpretado por Vertin Moura

Por Carolina Mello – Volta e meia o cinema nacional retrata o cangaço, o que faz de Sertânia (2020), de Geraldo Sarno, uma espécie de homenagem aos filmes desta temática, eternizada nas lentes de Glauber Rocha.

Continue lendo