Ex-ministro cita Bolsonaro no caso de candidaturas laranja

Bebianno disse que houve um acordo político entre Bolsonaro e Luciano Bivar no início de 2018 para que o então pré-candidato ingressasse na legenda

O ex-ministro Gustavo Bebianno disse, em depoimento à Polícia Federal, que o atual presidente da República Jair Bolsonaro chancelou em 2018, durante a campanha presidencial, um acordo para repassar 30% do fundo eleitoral do PSL para o diretório do partido em Pernambuco. Em outubro, Bolsonaro negou qualquer ligação com as candidaturas.

Continue lendo