Self-service de candidaturas

Maria Fernanda Arruda escreve para o Correio do Brasil

Por Maria Fernanda Arruda – É um self-service de candidaturas que variam do trotskismo de puro hormônio do PSTU, passando pelas cautelas do PCdoB até ao “flex fuel” do velho PT de guerra. Ao fim, tem para todos os gostos.

Continue lendo