A ‘mensagem de Natal’ do cínico Bolsonaro

Jair Bolsonaro

Por Altamiro Borges – Na patética “mensagem de Natal”, transmitida na noite de quinta-feira em cadeia nacional de rádio e televisão, o presidente-capitão abusou das mentiras e do cinismo. Ladeado pela primeira-dama, já apelidada de “Micheque”, Jair Bolsonaro afirmou que o Brasil é uma “referência” no combate ao coronavírus.

Continue lendo