Empresário irano-americano é preso por espionagem, no Irã

Um empresário com dupla nacionalidade teria sido condenado a 10 anos de prisão por um tribunal em Teerã, sob acusações de espionagem. Conforme um amigo da família, que pediu para não ser identificado, Emad Shargi teria sido chamado ao tribunal em 30 de novembro, acabando condenado, segundo a agência Bloomberg.

Continue lendo