Dois fatos marcantes

Por João Guilherme Vargas Netto – No primeiro deles o TST determinou que o sindicato dos metroviários de São Paulo assumisse a representação dos trabalhadores da linha 4

Continue lendo