Alemanha luta para isolar casos de mutação da covid-19

Berlim vive um momento de apreensão, após a Clínica Humboldt, uma das principais da cidade, ter sido colocada sob quarentena, um passo sem precedentes na Alemanha. O motivo: na ala de cardiologia houve vários casos da mutação do coronavírus originária do Reino Unido (B. 1.1.7), mais contagiosa, entre pacientes e funcionários.

Continue lendo