PECs do governo podem derrubar investimentos em saúde e educação

A PEC emergencial do governo Bolsonaro impõe gatilhos para o caso de crise financeira na União, estados e municípios

Na manhã desta terça-feira, Jair Bolsonaro foi ao Senado entregar ao presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), três propostas de emenda à Constituição (PECs) elaboradas pela equipe econômica de Paulo Guedes. A proposta chamada de emergencial visa a reduzir gastos obrigatórios, a do pacto federativo (Plano Mais Brasil) muda a distribuição de recursos entre União, estados e municípios, e a terceira revisa fundos públicos.

Continue lendo

Ex-ministro cita Bolsonaro no caso de candidaturas laranja

O ex-ministro Gustavo Bebianno disse, em depoimento à Polícia Federal, que o atual presidente da República Jair Bolsonaro chancelou em 2018, durante a campanha presidencial, um acordo para repassar 30% do fundo eleitoral do PSL para o diretório do partido em Pernambuco. Em outubro, Bolsonaro negou qualquer ligação com as candidaturas.

Continue lendo

Sobre óleo, Bolsonaro diz que o pior está por vir

O presidente Jair Bolsonaro disse na noite deste domingo que o vazamento de óleo que há mais de dois meses afeta o Nordeste foi, “ao que tudo parece”, criminoso e que a situação deve piorar. Bolsonaro disse ainda que “todos os indícios levam ao cargueiro” da Delta Tankers.

Continue lendo

Caso Marielle: Bolsonaro nega tentar obstruir investigação

O presidente Jair Bolsonaro voltou a negar que o fato de seu filho Carlos ter acessado o sistema de gravação de áudio do condomínio onde mora para rebater depoimento de um porteiro que citou o presidente nas investigações sobre a morte da vereadora Marielle Franco tenha representado algum tipo de obstrução.

Continue lendo

Bolsonaro avisa que não estará na posse de Fernández

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou nesta sexta-feira que não irá na posse do presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández. À jornalistas, na saída do Palácio da Alvorada, o mandatário disse que espera que o novo governo faça a mesma política de Maurício Macre.

Continue lendo