Grupo de Tigré é acusado de massacre

Refugiados etíopes do conflito em Tigré na região de fronteira entre Etiópia e Sudão

O grupo de direitos humanos indicado pelo governo da Etiópia acusou um grupo da juventude de Tigré nesta terça-feira de massacrar centenas de civis enquanto as forças federais e locais alegavam avanços em um confronto de três semanas.

Continue lendo