Irã promete retaliação por morte de cientista

Presidente iraniano, Hassan Rohani, disse que morte do especialista "não perturbará" os avanços científicos do país

O presidente iraniano, Hassan Rohani, acusou neste sábado Israel de querer “semear o caos” e de agir como “mercenário” dos Estados Unidos, acusando o país pelo assassinato de um dos principais cientistas no programa nuclear iraniano, um crime que, segundo as autoridades do país, deve ser “punido”.

Continue lendo

Kim pede desculpa por morte de sul-coreano

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong Un, pediu desculpas nesta sexta-feira pela morte a tiros de um sul-coreano para evitar a disseminação do novo coronavírus, disse o conselheiro de Segurança Nacional da Coreia do Sul, em meio à revolta pública e política crescente com o incidente.

Continue lendo