Abrigo acolhe mulheres vítimas de violência extrema

Com capacidade para receber até 60 pessoas de cada vez, o espaço já abrigou 2.544 mulheres e crianças desde 2007, quando foi criado após a assinatura de um termo de cooperação técnica entre a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e o Riosolidário, que é o responsável pela gestão do local.

Continue lendo