Decidiu o tribunal: a rachadinha é legal

Por António Paixão – Era o fim de uma tórrida tarde de verão no Bixiga. Não havia chovido. O Poeta tinha acabado de tomar um café com pão na chapa, no bar da esquina, onde os perversos apalermados palestrinos de plantão fizeram comentários desairosos sobre a campanha do Timão no campeonato nacional.

Continue lendo

A rachadinha no lupanar

Por António Paixão – De fato, o desgoverno do Capetão dos Infernos instituiu o programa Rachadinha Para Todos (os meus) e gastou R$ 3 bilhões (ou cerca de US$ 600 milhões) em pagamentos destinados aos parlamentares, à guisa de emendas, para seus currais eleitorais, onde estarão mais à vontade para chafurdar na corrupção, recebendo comissões.

Continue lendo