As dificuldades e as lutas

Por João Guilherme Vargas Netto – Os trabalhadores brasileiros e seu movimento sindical atravessam uma fase de extrema dificuldade com as consequências negativas daí decorrentes.

Continue lendo

O novo salário mínimo

Por João Guilherme Vargas Netto – Para fugir da contradição entre o bolsonarismo e a oposição (que é relevante, mas que interessa sobretudo ao capitão) vou analisar o decreto presidencial que determinou o valor do salário mínimo seguindo a lógica que contrapõe o bolsonarismo à realidade social.

Continue lendo

Lutar com justiça

Por João Guilherme Vargas Netto – É de grande interesse para os trabalhadores e para os dirigentes sindicais compreenderem a contradição que existe entre o bolsonarismo e a realidade, ou seja, a contradição entre as expectativas despertadas no eleitorado e na sociedade por suas promessas e pregações e o que efetivamente fará o governo do capitão.

Continue lendo

O pulo da onça

Por João Guilherme Vargas Netto – Dizem que os grandes animais antediluvianos ao sofrerem uma ferida letal levavam um tempo enorme para morrer. Seu cérebro, minúsculo, era tardo em processar tal informação.

Continue lendo

Existir, resistir, unir

Por João Guilherme Vargas Netto – Durante vários anos e em ondas sucessivas os trabalhadores brasileiros, e seu movimento sindical, sofreram as consequências da globalização da economia.

Continue lendo

Andar junto com os trabalhadores

Por João Guilherme Vargas Netto – No dia 22 deste mês, alguns sindicatos em todo o país cumprindo o mandato determinado pelas centrais sindicais realizaram panfletagens e manifestações em locais de trabalho e em pontos de concentração popular contra a deforma previdenciária.

Continue lendo

A linha Mano Brown

Por João Guilherme Vargas Netto – Frente aos riscos da estratégia bolsonarista de dividir os trabalhadores para melhor derrotá-los erguendo uma muralha da China entre a base sindical organizada e os milhões de trabalhadores informais, subutilizados, aposentados e desempregados.

Continue lendo

Salário mínimo

Por João Guilherme Vargas Netto – Todos se lembram de quando se dizia que a valorização do salário mínimo provocaria três tragédias: a quebra do INSS e das prefeituras e o aumento do desemprego; outros diziam que o salário mínimo era desimportante

Continue lendo

Os efeitos da lei celerada

Por João Guilherme Vargas Netto –  Os jornalistas, assim como Montaigne o era, são “viciados em imediatismo”. Isso decorre do exercício de sua profissão que lida com os fatos recentes e deve noticiá-los no ritmo frenético dos acontecimentos

Continue lendo