Papa Francisco denuncia espoliação da Amazônia

Francisco criticou aqueles que consideram os povos indígenas “atrasados e de pouco valor”, não reconhecendo o que a cultura deles pode ensinar às outras

O papa Francisco pediu neste domingo pelo fim da espoliação na bacia amazônica, ao fechar uma assembleia de bispos católicos que discutiu os desafios para a Igreja na região. Os trabalhos da assembleia, conhecida como sínodo, terminaram na noite de sábado, e entre as propostas do documento final está a de permitir que homens casados em regiões isoladas sejam ordenados padres.

Continue lendo