Talebã enfrenta forças afegãs em cidade próxima do Irã

Arquivado em: Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 17 de maio de 2018 as 11:46, por: CdB

Os combatentes fortemente armados haviam se escondido em áreas residenciais depois de um ataque surpresa de terça-feira em que quase capturaram Farah

Por Redação, com Reuters – de Seul:

Combatentes do Talebã saíram de esconderijos na calada da noite e realizaram ataques na cidade afegã de Farah, enfrentando forças do governo que pensavam ter expulsado os insurgentes depois de confrontos intensos ocorridos nesta semana, disseram moradores e autoridades.

Moradores observam veículo do Exército afegão destruído durante batalha com militantes do Talebã em Farah

Os combatentes fortemente armados haviam se escondido em áreas residenciais depois de um ataque surpresa de terça-feira em que quase capturaram Farah, até que tropas afegãs apoiadas pelo poderio aéreo dos Estados Unidos os repeliram.

Aviões de guerra

– De um lado havia o Talebã e do outro aviões de guerra disparando do ar. As pessoas ficaram aterrorizadas – disse o lojista Qudratullah.

Os insurgentes do Taebã emergiram de seus esconderijos cerca de uma hora antes da meia-noite de quarta-feira; alguns deles alvejando as forças de segurança dos telhados; e os tiroteios duraram até as primeiras horas desta quinta-feira.

Pelo menos um homem-bomba cometeu um atentado perto da sede local da polícia.

– A cidade foi transformada em uma zona militar, as pessoas estão preocupadas; e as lojas estão fechadas – disse o morador Baz Mohammad. “Depois do que aconteceu ontem à noite, tudo pode acontecer”.

As escolas também receberam ordem de fechamento até o final do mês do Ramadã; que teve início nesta quinta-feira, por causa da situação de segurança, disse Kabir Haqmal, assessor de mídia do Ministério da Educação.

Cabul

Depois de meses de calma relativa durante o inverno, os confrontos mais recentes enfatizam o desafio enfrentado pelo governo de Cabul e seus aliados norte-americanos, que vêm tendo dificuldade para conter a insurgência do Talebã.

Os EUA enviaram milhares de treinadores adicionais para ajudar as forças afegãs; e aumentaram dramaticamente os ataques aéreos visando pressionar o Talebã a voltar à mesa de negociações; mas há poucos sinais de que o plano está funcionando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *