‘O Tempo não Para’ também se destaca pela qualidade do seu texto

Arquivado em: Coluna da TV, Cultura, Últimas Notícias
Publicado quinta-feira, 30 de agosto de 2018 as 09:23, por: CdB

O Tempo não Para, das 7, na Globo, além de tantas virtudes e méritos já destacados, deve ser reconhecida principalmente pela qualidade do seu texto

Por Flávio Ricco – do Rio de Janeiro

Colaboração – José Carlos Nery

Quase sempre, ao se falar de uma novela, as atenções se voltam mais para a própria trama ou aos inevitáveis altos e baixos, além do desempenho do elenco, no todo ou individualmente, e de sua direção.

Juliana Paiva é Marocas, mocinha de “O Tempo Não Para”

Raramente outros aspectos, também de igual importância no contexto, como figurinos, iluminação, maquiagem e cenários entram em questão ou tornam-se objeto de maiores considerações.

O Tempo não Para, das 7, na Globo, além de tantas virtudes e méritos já destacados, deve ser reconhecida principalmente pela qualidade do seu texto.

Na TV, até aqui e quanto a este aspecto, poucas vezes se viu um trabalho com tamanha ousadia, em um nível tão alto e cuidadoso ao respeitar fielmente as diferenças no vocabulário observadas no tempo de quase um século.

Mario Teixeira e sua equipe de colaboradores, atentos a isso, independentemente do que a novela se propôs a oferecer e de suas outras virtudes, têm procurado proporcionar ao público esse delicioso passeio na linguagem. O Tempo não Para também está valendo muito por isso.

TV Tudo

Deu no que deu

Lembra que na segunda-feira aqui foi destacado que a Igreja Universal planejava diminuir seus espaços na Rede TV!, TV Gazeta e Canal 21?

Como mais um resultado prático disso, a Fundação Cásper Líbero, mantenedora da TV Gazeta, anunciou que, após 16 anos, deixará de exibir a programação da IURD.

“A Universal propôs reduzir seu tempo de exposição na grade da nossa emissora com diminuição desproporcional dos valores negociados, o que não foi aceito”, justificou a TV.

Critérios

No SporTV, nunca mais se viu Milton Leite, um dos seus titulares, transmitindo um jogo de rede no Campeonato Brasileiro. Só no Premiere.

Copa do Brasil e Libertadores também, como exceção.

Obra finalizada

Rodrigo Carelli, diretor de reality na Record, passou toda a terça-feira fazendo a última vistoria nas instalações de Itapecerica da Serra-SP, sede de A Fazenda.

E aprovou o que viu. Está tudo pronto para receber os novos participantes a partir do dia 18.

Baderna

Não existe mais dia, nem hora. A qualquer momento pode tocar o seu telefone fixo ou celular, com ofertas que vão de remédios milagrosos até planos de auxílio funerário.

Todos convenientemente sonorizados. Por ser tão inconveniente, existe até a curiosidade de saber o efeito.

De novo na pauta

O campeonato italiano voltou a figurar na pauta da Band. Nada fechado ainda, mas a conversa parece bem mais animada que antes.

Aumentou bem a possibilidade de sair negócio.

Ponte aérea

Chega a ser exagero afirmar que a Globo “está se mudando” para Portugal, mas é assim que várias de suas estrelas – autores, atores, diretores – falam sobre esse vai e vem ao encontro das oportunidades que aparecem.

Ficam um tempo lá, outro aqui. Em breve, Thiago Lacerda será o próximo.

Garimpando

A Globo já iniciou um trabalho para usar novos autores em Malhação.

Novos autores em se tratando de Globo. Poderão ser profissionais com experiência no teatro, cinema ou até com trabalhos em outras TVs. A ordem é investir nisso.

Atraso

Sobral e Juazeiro, com apenas 87% e 84% domicílios habilitados para o digital, mais uma vez, tiveram transferidos o desligamento do sinal analógico.

Desde setembro de 2017 está sendo assim. Um adiamento atrás do outro. Agora só depois das eleições.

Dá trabalho

Ao contrário da Globo, que limitou bastante o número de colaboradores em suas novelas, a Record continua mantendo sua base.

Um exemplo: Gustavo Reiz, autor titular de Gênesis, terá o apoio de seis roteiristas, mais um pessoal para área de pesquisa.

Eterna Juma

O programa Mariana Godoy Entrevista desta sexta-feira, às 23h15 na Rede TV!, recebe a atriz Cristiana Oliveira. Que, entre outros temas, revela nunca ter sido vítima de assédio.

Neblina

Movimentando os atores Luis Navarro, Daniel Furlan, Teca Pereira, Bruno Giordano, Maria Zilda Bethlem e JB Oliveira, a produtora O2 grava em São Paulo as primeiras cenas da série Pico Da Neblina, que estreia na HBO em 2019. O roteiro aborda a história de um traficante que precisa se adaptar ao mercado quando a venda da maconha é legalizada.

Bate – Rebate

·       Grazi Massafera gravará em outubro participação no programa Lady Night.

·       Em novembro, Alice Braga e o diretor Kondzilla iniciam as gravações da série Sintonia, para a Netflix…

·       …Produção que vai narrar a história de três protagonistas, suas vidas e sua relação com música, tráfico de drogas e religiosidade na cidade de São Paulo.

·       O desempenho do Encrenca, da Rede TV!, se tornou um dos assuntos mais comentados da Band…

·       …Ninguém imaginava que pudesse chegar a tanto.

·       Nas chamadas de A Fazenda, a Record não se esquece de Théo Becker…

·       …Sempre há espaço para uma “zoada” em cima do ator.

·       Cláudia Di Moura fez contrato por obra com a Globo e para Segundo Sol

·       …Mas dificilmente vai escapar de um convite para contrato de prazo longo.

·       Record deve exibir no dia 3, entrevista do Ronnie Von no Programa do Porchat.

·       Na O Sétimo Guardião que vem aí na Globo, haverá um “Orelhódromo”…

·       …Como a fictícia cidade de Serro Azul encontra-se numa região bastante complicada e ainda longe da tecnologia, seus moradores terão que recorrer a orelhões, distante dali, para se comunicar com parentes e amigos.

·       Moacyr Franco gravou uma edição especial do Boteco do Ratinho no SBT.

C’est fini

O Domingo Show, comandado por Geraldo Luis nos domingos da Record, conquistou o melhor agosto da história do programa, na Grande São Paulo, de acordo com dados consolidados do Kantar Ibope. Os números: Agosto 2014 – média de 7,2 pontos; 2015 – 6,8 pontos;  2016 – 6,5 pontos; 2017 – 6,4 pontos, e 2018 – 8,3 pontos. O período em questão também está entre as melhores médias mensais deste ano do programa. Por tudo isso, a Record prepara investimentos no “DS”.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *