Tencent vê isolamento impulsionar receita com videogames

Arquivado em: Destaque do Dia, Internet, Tablet & Celulares, Tecnologia, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 13 de maio de 2020 as 13:36, por: CdB

A alta demanda por videogames durante as paralisações causadas pela pandemia, impulsionaram a receita e o lucro do primeiro trimestre da Tencent Holdings, com os jogos de grande sucesso PlayerUnknown’s Battlegrounds (PUBG) Mobile e Honor of Kings, ajudando a superar as previsões.

Por Redação, com Reuters – de Hong Kong/Tóquio

A alta demanda por videogames durante as paralisações causadas pela pandemia, impulsionaram a receita e o lucro do primeiro trimestre da Tencent Holdings, com os jogos de grande sucesso PlayerUnknown’s Battlegrounds (PUBG) Mobile e Honor of Kings, ajudando a superar as previsões.

Os principais jogos da Tencent, PUBG Mobile e Honor of Kings, tiveram a maior receita global de games
Os principais jogos da Tencent, PUBG Mobile e Honor of Kings, tiveram a maior receita global de games

O negócio de videogames da empresa chinesa, que gera mais de um terço de sua receita, teve um crescimento de 31%, para 37,3 bilhões de iuanes (US$ 5,26 bilhões), à medida que as pessoas passaram mais tempo na frente das telas e usavam jogos online como substituto para sair com amigos.

Os principais jogos da Tencent, PUBG Mobile e Honor of Kings, tiveram a maior receita global de games para dispositivos móveis em março, disse a empresa de análise Sensor Tower, reforçando o status da companhia como a maior empresa de jogos do mundo em vendas.

Compras dentro dos jogos, em itens como power-ups, skins e acessórios no PUBG Mobile somaram US$ 232 milhões, mais de três vezes o que o título gerou em março de 2019.

No entanto, a Tencent, uma gigante de jogos e mídias sociais, alertou que espera que alguns dos benefícios que vê durante o período de quarentena sejam temporários.

Jogos digitais

“Esperamos que as atividades de consumo dentro dos jogos se normalizem amplamente à medida que as pessoas retornam ao trabalho, e vemos alguns ventos contrários para o setor de publicidade online”, afirmou.

Os gastos globais com jogos digitais subiram para US$ 10 bilhões em março, o maior valor mensal já registrado, de acordo com a SuperData, braço de dados sobre videogames da Nielsen.

As ações da Tencent subiram quase 14,38% este ano, contra um declínio de 15% do índice Hang Seng, de Hong Kong. Enquanto isso, as ações da rival listada nos EUA, Alibaba, voltada para o comércio eletrônico e não para jogos, caíram quase 6% no mesmo período.

China Renaissance

Alex Liu, analista da China Renaissance, disse que é improvável que a empresa consiga sustentar o explosivo impulso nos negócios de jogos, mas uma forte receita diferida provavelmente seja alimentada ao longo do ano e um conjunto de lançamentos de larga escala, incluindo Dungeon & Fighter Mobile, trará um crescimento robusto.

A receita total da Tencent aumentou 26%, para 108,07 bilhões de iuanes (US$ 15,24 bilhões), enquanto o lucro líquido cresceu 6%, para 28,90 bilhões de iuanes, nos três meses até março, com ambos acima da estimativa média de analistas, de acordo com dados da Refinitiv.

A empresa disse que a receita de publicidade online do grupo aumentou 32%, com anúncios relacionados a videogames e educação no WeChat e em seus outros aplicativos ajudando-a a enfrentar uma desaceleração mais ampla do setor.

Sony

A Sony espera que o lucro operacional caia pelo menos 30% neste ano fiscal para o menor nível em quatro anos, à medida que a empresa antecipa um impacto na demanda por TVs, câmeras e sensores de imagem de smartphones por conta da pandemia de coronavírus.

A Sony interrompeu a produção em algumas fábricas e sofreu interrupções na cadeia de fornecimento, já que governos de todo o mundo impuseram longas restrições ao movimento e às atividades comerciais para conter o vírus.

O vice-presidente financeiro da Sony, Hiroki Totoki, disse que o setor de eletrônicos de consumo, como TVs, “foi o mais atingido no momento, mas o impacto também se expandirá para outros negócios”.

A empresa de eletrônicos e entretenimento teve queda de 57% no lucro operacional no trimestre encerrado em março, para 35,45 bilhões de ienes (US$ 331 milhões), abaixo da média de 73,77 bilhões de ienes das estimativas de analistas, de acordo com dados da Refinitiv.

A Sony não forneceu previsões precisas para o ano fiscal atual que começou em abril, mas Totoki disse que os cálculos atuais mostram que o lucro deve cair “pelo menos cerca de 30%” em relação aos 845,46 bilhões de ienes no ano anterior.

O lucro previsto

O lucro previsto de menos de 600 bilhões de ienes seria o menor desde o ano que terminou em março de 2017, quando terremotos fecharam fábricas no sul do Japão que produzem sensores de imagem.

O impacto do vírus já reduziu o lucro operacional do grupo em 68,2 bilhões de ienes no ano encerrado em março, informou a Sony.

Um ponto positivo para a empresa foi a unidade de videogames, que teve declínio de lucro menor que o esperado no ano fiscal. O negócio teve um impacto positivo de 2,8 bilhões de ienes com a pandemia, já que consumidores presos em casa procuraram entretenimento, passando mais tempo jogando.

A Sony deve lançar o PlayStation 5 no final deste ano, sete anos após o lançamento do console do PS4.

A Sony reiterou o cronograma do final do ano para o lançamento do PS5, negando a especulação da mídia de que o coronavírus impactaria a produção e causaria um grande atraso na nova geração do console da companhia. A empresa, no entanto, foi forçada a anunciar atrasos em jogos importantes, como The Last Of Us Part II.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *