Tiroteio em Nova Jersey deixa mortos e feridos

Arquivado em: América do Norte, Destaque do Dia, Mundo, Últimas Notícias
Publicado quarta-feira, 11 de dezembro de 2019 as 10:57, por: CdB

Troca de tiros com horas de duração termina com a morte dos dois suspeitos fortemente armados, três civis e um policial, e leva ao fechamento do comércio e das escolas em Jersey City.

Por Redação, com DW – de Nova Jersey

Um tiroteio que durou cerca de quatro horas em Jersey City, nos Estados Unidos, deixou pelo menos seis mortos e três feridos na terça-feira.

Centenas de policiais e unidades da Swat e do FBI cercaram o mercado tomado pelos criminosos em Jersey City
Centenas de policiais e unidades da Swat e do FBI cercaram o mercado tomado pelos criminosos em Jersey City

A troca de tiros começou nas imediações de um cemitério da cidade, no estado de Nova Jersey, quando policiais intervieram em uma ação supostamente envolvendo tráfico de drogas. Um policial foi morto a tiros no local e outro foi alvejado no ombro.

Os dois suspeitos fugiram em uma caminhonete roubada e foram perseguidos pela polícia até abandonarem o veículo e tomarem de assalto o mercado, no bairro de Greenville. O incidente levou as autoridades a acionarem sirenes de alerta e ordenar o fechamento de mais de uma dezena de escolas e do comércio na região.

Ataque

O mercado foi cercado por centenas de policiais, incluindo unidades de elite da Swat e do FBI. Após o fim da troca de tiros, a polícia utilizou um robô que entrou no mercado e encontrou os corpos dos dois suspeitos e de três pessoas que estavam dentro do local.

O chefe de polícia de Jersey City, Michael Kelly, disse que os criminosos estavam armados com fuzis de alto poder de fogo. Ele lamentou a morte do policial morto, identificado como Joseph Seals, de 40 anos, e que, segundo seu superior, contribuiu para desarmar as ruas da cidade.

As autoridades descartaram inicialmente que o caso tenha ligação com terrorismo. O prefeito da cidade, Steven Fulop, no entanto, disse que os suspeitos teriam escolhido propositalmente o mercado, que vende produtos kosher e fica ao lado de uma sinagoga, um dos pontos centrais da comunidade de judeus ortodoxos que se estabeleceu em Jersey City nos últimos anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *