Tite convoca Allan e promove volta de Paulinho para amistosos com Uruguai e Camarões

Arquivado em: Destaque do Dia, Esportes, Futebol, Últimas Notícias
Publicado sexta-feira, 26 de outubro de 2018 as 13:02, por: CdB

O treinador resolveu dar chance ao ex-volante do Vasco após uma série de boas atuações de Allan na Série A italiana e na Liga dos Campeões da Europa.

Por Redação, com Reuters – do Rio de Janeiro

O meio-campista Allan, do Napoli, foi chamado pela primeira vez e Paulinho ganhou uma nova chance depois de jogar a Copa do Mundo da Rússia na convocação desta sexta-feira do técnico Tite para os amistosos de novembro da seleção brasileira contra Uruguai e Camarões.

Volante do Napoli Allan, convocado para seleção brasileira pelo técnico Tite

O treinador resolveu dar chance ao ex-volante do Vasco após uma série de boas atuações de Allan na Série A italiana e na Liga dos Campeões da Europa.

Paulinho, por sua vez, ainda não tinha sido chamado no pós-Copa, e para muitos o ciclo dele na seleção estaria próximo do fim, especialmente após o jogador deixar o Barcelona para retornar ao pouco competitivo futebol chinês.

– No 4-3-3 ou no 4-4-2 o Allan alterna saída… ele fez por merecer, e não estava brincado, estávamos monitorando – disse Tite a jornalistas. “O Paulo (Paulinho) tem um lastro muito grande com a seleção e se reinventou, mais agressivo e rompedor”, acrescentou.

Tite também chamou de volta o meia-atacante Willian, que ficara de fora de alguns amistosos no pós-Copa, e o ponta Douglas Costa, que não fora chamado para os jogos contra Arábia Saudita e Argentina depois de um ato de indisciplina em um jogo de sua equipe, a Juventus.

– Vou conversar com ele pessoalmente – disse Tite, que admitira na última convocação que Douglas Costa havia ficado de fora como forma de punição pelo comportamento.

Dos jogadores que foram à Copa do Mundo, ficaram de fora da lista desta sexta-feira nomes de destaque como Thiago Silva e Renato Augusto, à medida que Tite vem fazendo experiências depois do Mundial para preparar o time para a Copa América de 2019 no Brasil.

O treinador decidiu deixar de fora da lista jogadores de clubes envolvidos na disputa pelo título brasileiro e na reta final da Copa Libertadores da América.